Informações sobre o visto para as Ilhas Aland

 
   
 
 
 
     
 

Saiba mais: Visto para Schengen

Em breve, mais informações!
Documentos necessários para o processo
Instruções importantes

O arquipélago de Aland é uma província autónoma da Finlândia, composto de mais de 6.700 ilhas e ilhotas, localizado no Mar Báltico.

Com a adesão da Finlândia à União Europeia, o parlamento das ilhas Aland também expressou a vontade do território em ingressar no bloco económico, inclusive realizando dois referendos, confirmando o desejo da população local. Assim, o arquipélago faz parte da União Europeia, bem como do Espaço Schengen, que permite o ingresso do cidadão brasileiro, em viagens turísticas ou a negócios, por um período de até 90 dias, sem a necessidade de um visto para as Ilhas Aland.

Contudo, outros requisitos devem ser observados, antes de embarcar para esse exótico destino, em busca do contacto intenso com a natureza ou para desbravar a inusitada cultura local. Confira todos os detalhes, logo abaixo.

O que eu preciso para viajar para as Ilhas Aland?

1) Passaporte

Você deve viajar munido do seu passaporte original e com validade mínima de três meses a contar da data de saída do Espaço Schengen. São necessárias duas páginas em branco para carimbos e demais registos de entrada pelas autoridades de imigração finlandesas.

Observação: é permitido conduzir na Finlândia (e, consequentemente, nas Ilhas Aland) utilizando a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) brasileira. Assim, caso você queira alugar um veículo, deve levar o seu documento de motorista original e válido.

2) Bilhetes aéreos

Você deverá apresentar as passagens aéreas de ida e volta, com as respetivas datas de chegada na Finlândia e regresso ao Brasil ou para outro destino onde você tenha permissão de entrada.

3) Recursos financeiros

Você deve comprovar que possui recursos financeiras suficientes para arcar com todas as despesas relativas ao período de estadia, assim como o alojamento na Finlândia e nas Ilhas Aland, apresentando dinheiro em espécie, cheques de viagem ou cartões de crédito internacionais às autoridades de imigração.

Vacinas

Não é obrigatória a vacinação contra nenhuma doença específica para visitar as Ilhas Aland.

Seguro de saúde

Não é obrigatória a contratação de uma apólice de seguro de viagem internacional para visitar as Ilhas Aland. Todavia, é extremamente recomendado que você viaje com uma cobertura apropriada, sobretudo em razão dos seguintes fatores:

  • Infraestrutura de saúde de alta qualidade, porém, disponível apenas para os residentes, o que pode ser extremamente oneroso para o cidadão brasileiro;
  • O turismo de aventura (montanhismo, trilhos) como propósito da viagem, que expõe o visitante a ferimentos ou traumas;
  • O inverno na Finlândia é muito rigoroso, com temperaturas bem abaixo de zero, que podem ocasionar determinados problemas de saúde. Em alguns poucos casos, certas pessoas podem sofrer de um transtorno afetivo sazonal - Seasonal Affective Disorder – que é ocasionado por um desequilíbrio bioquímico, em razão da falta de luz solar.

Assistência consular

O Brasil dispõe de ampla representação diplomática na Finlândia. Em caso de qualquer necessidade de assistência consular, você deve entrar em contacto ou dirigir-se a um dos escritórios abaixo:

  • Embaixada do Brasil em Helsínquia;
  • Consulado Honorário do Brasil em Tampere;
  • Consulado Honorário do Brasil em Turku.

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós