Informações sobre o visto na entrada para as Ilhas Marshall

Home > Ilhas Marshall > Marshall Islands Visitor Visa
 
   
 
 
 
     
 

Saiba mais: Visto de Visitante

Em breve, mais informações!
Documentos necessários para o processo
Instruções importantes

Oficialmente conhecido como “República das Ilhas Marshall”, este pequeno arquipélago, localizado no Oceano Pacífico tornou-se independente dos Estados Unidos em 1979. Entretanto, o país continua intimamente ligado à nação norte-americana, através de um Tratado de Livre Associação, assinado em 1986, que garante a segurança e a defesa da ex-colónia.

Os atóis abrigam uma infinidade de vida marinha, além das praias paradisíacas, de areia branca e água cristalina, sendo um refúgio ideal para amantes da natureza e praticantes de desportos aquáticos como o mergulho.

Cidadãos brasileiros que desejam se aventurar por esse conjunto de mais de 1.000 ilhas de beleza singular precisam ter em mente que é necessário um visto para as Ilhas Marshall. Entretanto, o documento pode ser obtido na chegada ao destino, através de um processo simples, denominado “visto na entrada”. Outros requerimentos para ingresso no país devem ser observados. Veja os detalhes, abaixo.

Passo a passo para obter o visto na entrada para as Ilhas Marshall

1) Passaporte e visto

Ao desembarcar em Majuro – a capital das Ilhas Marshall -, o cidadão brasileiro deverá estar na posse do seu passaporte original, com validade mínima de 6 meses a contar da data de chegada ao país, e informar as autoridades de imigração da finalidade turística da visita.

Você deverá realizar o pagamento da taxa do visto na entrada, no valor de 100 dólares, que permite uma estadia nas Ilhas Marshall por até 30 dias. O seu passaporte precisa conter ao menos 1 página em branco para o devido carimbo de ingresso no país.

Caso necessário, você poderá solicitar a extensão de sua permanência, por mais 60 dias, na Divisão de Imigração do país, a um custo adicional de 10 dólares.

2) Atestado de saúde e vacinação

O turista deverá apresentar às autoridades alfandegárias, através de relatório médico e exames, que não é portador de doenças como SIDA e tuberculose.

Não é exigida nenhuma vacina contra doenças específicas para ingresso nas Ilhas Marshall.

Informações sobre seguro de saúde para visitar as Ilhas Marshall

Não é obrigatória a contratação de uma apólice de seguro de viagem internacional. Entretanto, é altamente recomendado que você viaje prevenido contra acidentes e tenha condições de ser medicado ou até hospitalizado, devido a diversos fatores, tais como:

  • Presença de animais peçonhentos na ilha, que podem ser encontrados em zonas rurais, urbanas e até mesmo dentro das casas, causando ferimentos;
  • Presença de tubarões e outras espécies de animais perigosos nas águas, que podem abordar banhistas despercebidos;
  • Prática de desportos de aventura, tais como surf, mergulho, trilhos, que podem ocasionar acidentes e imobilização.

    Saída do país

Ao regressar ao Brasil ou partir para outro destino, o visitante deverá pagar uma taxa de saída, no valor de 20 dólares, às autoridades de imigração.

Assistência consular nas Ilhas Marshall

O Brasil não possui representação diplomática na República das Ilhas Marshall. Caso o turista precise de qualquer tipo de assistência, deverá contactar a Embaixada do Brasil em Manila, nas Filipinas.

Esta página foi útil?

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós