Em destaque na

Foto para o visto russo

Foto para o visto russo
iVisa | Atualizado em Feb 28, 2019

O governo da Rússia faz uma série de exigências aos cidadãos portugueses que desejam visitar o país. Não vamos abordar nesse artigo tão somente o tamanho específico da foto para o visto russo, como também toda uma série de requisitos e obrigações necessários para que a sua viagem corra da melhor maneira possível.

Alt Text

Antes de embarcar – o que preciso para visitar a Rússia?

Cidadãos portugueses irão precisar de um visto de turista para conhecer a Rússia. E esse documento deve ser solicitado pessoalmente, na embaixada ou no consulado russo em Portugal. Antes disso, porém, alguns documentos deverão ser providenciados, para serem apresentados de forma impressa, no dia agendado para comparecimento na autoridade russa em questão.

1) Passaporte – Você deverá apresentar o seu passaporte original, com pelo menos duas folhas em branco, para anotações necessárias, e a validade deve ser de no mínimo 6 meses, a contar da data de chegada à Rússia.

2) Apólice de seguro de viagem – O governo russo não se responsabiliza por eventuais problemas de saúde ou acidentes que possam ocorrer com portugueses no seu território. Para isso, é obrigatória a contratação de um seguro de saúde, no valor de 30 mil euros, para cobrir possíveis despesas médicas no país.

3) Formulário para obtenção de visto – Os portugueses deverão aceder ao site do Departamento Consular do Ministério dos Negócios Estrangeiros da Federação da Rússia e preencher o formulário para solicitação do visto. É nesse documento, depois de impresso, que deverá ser colada a foto para o visto russo. Essa fotografia deverá ser colorida, atual, legível e no tamanho 3,5 x 4,5 cm.

4) Carta convite de turista – Portugueses que desejam conhecer a Rússia precisam de ser “convidados”. Essa carta convite pode ser adquirida através de agências de turismo, via hotéis em que irão se hospedar ou através do iVisa.

O que é e como obter a carta convite para a Rússia?

Pode soar estranho, mas a verdade é que sem esse “convite” os cidadãos portugueses não conseguem emitir o visto de turista para a Rússia.

Geralmente, os hotéis fornecem essa carta convite a um determinado custo associado. A desvantagem é que, em caso de desistência ou cancelamento da reserva, o valor não é reembolsado e o solicitante ainda fica sujeito a encargos e multas. Outro ponto é que se o passeio se estender por outros destinos dentro do país, serão necessários vários convites, encarecendo a viagem. Por fim, o governo russo adverte que nem todos os hotéis estão autorizados a fornecer a carta convite.

Diante do cenário acima, a alternativa mais descomplicada e económica para adquirir a sua carta convite de turista para a Rússia é através do iVisa, um dos maiores portais de emissão de vistos eletrónicos do mundo.

Você acede ao nosso site, escolhe a modalidade de carta convite de acordo com a finalidade da sua viagem, preenche um breve registo e realiza o pagamento da taxa diretamente na nossa plataforma. Todo o processo não tomará 20 minutos do seu tempo.

A carta convite de turista para a Rússia será enviada pelo iVisa para o seu endereço de e-mail num prazo máximo de 3 dias úteis. Basta imprimir e anexar aos demais documentos, para apresentação no dia da solicitação do visto.

Compartilhar esse artigo em
Need Help?