Autorização Eletrónica de Viagem (ETA) do Reino Unido para Portugueses

Autorização Eletrónica de Viagem (ETA) do Reino Unido para Portugueses

iVisa | Atualizado em Apr 02, 2020

Após o Reino Unido ter saído da União Europeia, uma das expectativas é que seja necessária uma Autorização Eletrónica de Viagem (ETA) para visitar o país nos próximos anos, assim como já acontece em outros países, como o Canadá. Se você está interessado em saber como vai funcionar a Autorização Eletrónica de Viagem (ETA) do Reino Unido para portugueses, confira o artigo abaixo. Em breve, também será possível encontrar mais informações no site do iVisa.

UK image

O que é a Autorização de Viagem Eletrónica do Reino Unido (ETA)?

A Autorização de Viagem Eletrónica do Reino Unido (ETA) está nos planos do Governo do Reino Unido, e nada mais é do que um formulário que é preenchido online e que permite que você entre no país ou não.

Para que a autorização funcione, o visitante deverá preencher um formulário no site com as suas informações pessoais e do seu itinerário de viagem. E depois, deverá efetuar o pagamento da taxa. Depois disso, durante o processamento dessa autorização, diversas plataformas de segurança avaliarão se o usuário cometeu algum crime ou não.

Caso a pessoa não tenha cometido algum crime, o sistema irá conceder a Autorização Eletrônica de Viagem ao visitante. Caso seja o contrário, o sistema continuará analisando o perfil da pessoa, para que assim seja possível dar uma resposta definitiva sobre o documento.

Qual será o preço da Autorização Eletrónica de Viagem do Reino Unido (ETA)?

Esse tipo de informação ainda não está disponível, mas é muito provável que esse valor seja muito similar ao de sistemas semelhantes existentes em outros países, como é o caso do ESTA, nos Estados Unidos. O custo dele é de cerca de USD 14.

Quando a Autorização Eletrónica de Viagem do Reino Unido (ETA) passará a valer?

A previsão é de que a Autorização Eletrónica de Viagem do Reino Unido (ETA) passe a valer a partir de janeiro de 2021, que é o momento da saída definitiva do Reino Unido da União Europeia. O documento provavelmente será obrigatório para mais de 60 países ao redor do mundo, entre eles os da União Europeia.

Para os cidadãos de países da União Europeia que desejem viajar para o Reino Unido, as coisas vão mudar bastante a partir de janeiro de 2021. Enquanto atualmente não é preciso qualquer documento para entrar no país e é possível entrar com os documentos de identidade, a partir dessa data será necessário carregar consigo o passaporte e ter a autorização.

No entanto, por enquanto, essa regra ainda não está valendo. Por isso, os cidadãos europeus ainda não precisam desse documento para entrar no Reino Unido.

Caso você queira obter mais informações sobre a Autorização Eletrónica de Viagem (ETA) do Reino Unido para portugueses, entre em contacto com o iVisa através do site agora mesmo. Os nossos funcionários altamente capacitados estão disponíveis durante 7 dias da semana, 24 horas por dia para responder a qualquer dúvida que você possua.

Compartilhar esse artigo em: