Conseguir um visto de turista para o Azerbaijão online de forma simplificada é o ideal para a sua viagem.

 
   
 
 
 
     
 

Saiba mais: eVisa

Em janeiro de 2017, a República do Azerbaijão iniciou o uso de vistos eletrônicos para cidadãos de 81 países. O sistema é chamado de visto ASAN e os vistos são emitidos para uma única visita de até 30 dias. O novo sistema faz com que seja muito mais fácil viajar para o Azerbaijão, uma vez que não existe mais a necessidade de visitar a embaixada no seu país. Hoje, cidadãos de 93 países podem solicitar um e-Visa através do sistema de visto ASAN e conseguir o seu e-Visa para o Azerbaijão em apenas 3 passos.

Este visto é uma permissão pré-estadia para você viajar e conseguir entrar na República do Azerbaijão. Não é colado no seu passaporte. Nós enviaremos o documento para você por e-mail e ele precisa ser impresso é apresentado juntamente com o seu passaporte no posto de controle de fronteira.

Documentos necessários para o processo
  • Uma cópia digital da página de identidade do seu passaporte.
  • Um endereço de contato no Azerbaijão
  • Um cartão de débito/crédito ou uma conta no Paypal
Instruções importantes
  • O e-Visa para o Azerbaijão deve ser utilizado dentro de 90 dias da sua emissão.
  • O visto para o Azerbaijão permite uma única viagem com estadia máxima de 30 dias.
  • Você deve deixar o território da República do Azerbaijão com o mesmo e-Visa que foi utilizado para entrar no país (exceto nos casos em que o período de estadia temporária no país foi estendido ou uma permissão temporária de residência foi emitida pelo Serviço Estatal de Migração da República do Azerbaijão).
  • O passaporte deve ser válido por, pelo menos, 6 meses, a partir da data de entrada no país.
  • O visto eletrônico não é aderido ao passaporte e deve ser apresentado juntamente com o mesmo no posto de controle de fronteira.
  • Se o visto eletrônico não for utilizado dentro do período de validade, ele se tornará inutilizável.
  • Você não precisa tirar o visto caso não vá sair da área de tráfego internacional.
  • Sua solicitação para o e-Visa deve ser encaminhada antes da data planejada para sua viagem. Mesmo que elegível, você não pode obter um visto depois que ultrapassar a fronteira da República do Azerbaijão.
  • A solicitação pode ser feita caso o objetivo da sua viagem seja: Turismo, negócios, tratamento médico, humanitarismo, esporte, cultura, educação, ciência, viagem de negócios ou viagem pessoal.
  • Caso a sua solicitação para um e-Visa seja rejeitada, estrangeiros e pessoas apátridas devem solicitar novamente um visto em um representante diplomático relevante da República do Azerbaijão.
  • Viajantes com duas ou várias cidadanias devem escolher o país de nacionalidade de acordo com o documento que será utilizado em sua viagem.

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós

Perguntas Frequentes

É um documento oficial que fornece autorização para viajar do e para o Azerbaijão e é vinculado eletronicamente ao seu passaporte.

Nós necessitamos dos seguintes itens para enviar a sua solicitação:

  • Um passaporte válido por pelo menos 6 meses
  • Uma cópia digital da página de identidade do seu passaporte
  • Um cartão de crédito/débito ou uma conta do Paypal.

COMO TIRAR FOTOS PERFEITAS DOS DOCUMENTOS REQUERIDOS: Assista ao nosso vídeo

O custo de um e-Visa para o Azerbaijão é de 25 dólares. Além disso, existe uma taxa de serviço de 20 dólares para o processamento padrão. Para os processamentos expresso e super expresso, a taxa de serviço é de 50 e 70 dólares, respectivamente.
Isso depende do método de processamento que você escolher. Nós oferecemos três opções: 1.Processamento padrão: 4 dias úteis. 2.Processamento expresso: 2 dias úteis. 3.Processamento super expresso: 1 dias úteis
O e-Visa para o Azerbaijão é válido por 90 dias a partir da data de emissão. Isso quer dizer que você deve entrar no Azerbaijão dentro de 90 dias. Além disso, o visto é válido para uma única viagem e permite uma estadia máxima de 30 dias.
Você irá receber uma confirmação por e-mail assim que fizer a solicitação e pagar a taxa. Verifique sua pasta de spam caso não tenha recebido nada. Você também pode entrar em contato conosco através do chat online ou nos enviar um e-mail para confirmação. Assim que o seu e-Visa for aprovado, nós te notificaremos por e-mail.
Você pode ficar no máximo 30 dias no Azerbaijão. Por favor, perceba que se planeja ficar no Azerbaijão por mais de 10 dias, você precisa registrar junto ao Serviço de Migração do Estado da República do Azerbaijão assim que chegar no país. Você pode fazer isso pedindo o seu hotel para realizar a solicitação em seu nome – eles serão capazes de ajudar-lhe.
Você deverá fazer uma solicitação junto ao Serviço de Migração do Estado da República do Azerbaijão – o iVisa não pode te ajudar a estender a sua estadia no Azerbaijão ou solicitar um visto válido por mais de 30 dias.
Não. Se sair do Azerbaijão, você precisará obter um novo e-Visa para reentrar no país, uma vez que cada e-Visa permite somente uma única entrada.
Se a sua solicitação para um e-Visa para o Azerbaijão for negada, uma nova pode ser feita em um representante diplomático relevante (embaixada/consulado) do governo Azerbaijano.
Não. Você não precisa de um visto caso não vá deixar a área de trânsito internacional.
Os passaportes precisam ser válidos por pelo menos 6 meses a partir da data de emissão do e-Visa. Por exemplo, se o seu e-Visa foi emitido em 1º de janeiro, ele possui validade até 31 de março (90 dias). Seu passaporte precisa ser válido até 30 de junho. Além disso, ele precisa ter pelo menos uma página em branco.
Viajantes com dupla ou múltipla cidadania devem escolher o país de nacionalidade de acordo com o passaporte utilizado para seu passeio.

Se o viajante partir de um país com riscos de transmissão de febre amarela, será necessário apresentar um cartão de vacina contra a febre amarela.

Para mais informações, clique no link a seguir: https://www.who.int/ith/ITH_Annex_I.pdf

Não. Você deve apresentar os dois documentos para as autoridades de fronteira. Você pode imprimir o seu e-Visa, mas não deve colá-lo ou grampeá-lo no seu passaporte.
Não. Você deve apresentar os dois documentos para as autoridades de fronteira. Você pode imprimir o seu e-Visa, mas não deve colá-lo ou grampeá-lo no seu passaporte.
Você pode utilizar o nosso verificador de visto no topo desta página para ver se a sua nacionalidade é elegível para um e-Visa.
O Azerbaijão é um país incrivelmente subestimado. Muitas pessoas pensam que sua economia é fraca e que não há o que conhecer no país, mas elas não poderiam estar mais erradas. Um mínimo de pesquisa mudará inteiramente sua opinião sobre este país e, no momento em que você assistir a vídeos sobre Baku, que é capital do país, terá a impressão de que está olhando para uma mini Dubai. Os edifícios modernos, as ruas, as luzes, e tudo mais em Baku falam de glamour, e é por isso que você definitivamente deveria conhecer o lugar. Em matéria da documentação necessária para chegar lá, basta saber que há vários métodos de conseguir o que você precisa. Além disso, o Azerbaijão tem uma política de vistos muito leniente, então você não deve se preocupar com a obtenção de seu visto. Na verdade, podemos ajudar com isso, mas depende da sua nacionalidade. Infelizmente, nem todo o mundo tem acesso a um sistema de cadastro online no momento, mas certamente a lista de nacionalidades elegíveis irá se expandir ainda mais no futuro. Além dos documentos exigidos, há várias outras coisas que nós achamos que você deve saber sobre o Azerbaijão. Uma delas é a chegada. Para começar, você pode chegar ao Azerbaijão de avião. Se você é da Europa, pode partir de quase qualquer lugar, mas há voos diretos saindo de Frankfurt, Londres, Paris, Berlim e Barcelona. Você pode voar pela Lufthansa ou AZAL, sendo essa última também conhecida como Azerbaijan airlines. Dos Estados Unidos, por outro lado, você pode pegar um voo em Nova York com a Azerbaijan Airlines. A Turkish Airlines também oferece um voo, mas ele se conecta a Istambul. Há outros aviões também, mas nenhum deles é direto. Eles se conectam com Berlim ou Frankfurt, Moscou, Paris ou Qatar, dependendo da companhia aérea que você escolheu. O Azerbaijão também pode ser acessado por trem. No entanto, você só pode pegar o trem da Geórgia. Então, se você estiver na Geórgia, que também é um belo país, a propósito, pode ir direto para o Azerbaijão de lá. Outra coisa a se saber antes de ir ao Azerbaijão tem a ver com os meios de comunicação. O Azerbaijão ganhou a sua independência da União Soviética, mas o russo ainda é falado em Baku e outras regiões. A língua oficial é a azerbaijana, também chamada de azeri-Turkic. Ela está relacionada com o Turco otomano. Mesmo assim, você ainda pode usar o inglês para se comunicar, mas apenas com as gerações mais jovens. Como você pode imaginar, o inglês é falado em hotéis ou outros estabelecimentos, mas se você quiser visitar uma aldeia remota, onde a população é relativamente antiga, não conseguirá se comunicar apenas com o inglês. O melhor momento para conhecer o Azerbaijão depende do que você quer visitar. Você deve saber que o Azerbaijão é geograficamente diversificado. Ele tem tudo, desde altas montanhas até um mar. O mar Cáspio. As planícies devem ser visitadas idealmente de abril a junho, porque podem ficar muito quentes em julho e agosto. Mas o último período é perfeito para ver as montanhas altas, porque eles são bastante inacessíveis no inverno. Se você quiser ir apenas para Baku, é melhor fazê-lo em outubro. Não é muito quente ou muito frio e as pessoas se divertem muito por lá. A moeda oficial do Azerbaijão é o Manat de 1992. Após a inflação de 2006, o governo introduz o novo manat. Ainda assim, é melhor ter dólares americanos ou euros quando for até lá e fazer o câmbio no banco, ou em agências especializadas. Você também pode usar o seu cartão de crédito ou débito para pagar o seu hotel ou restaurante, mas nem todos eles aceitam este meio de pagamento. Se pagar em dinheiro, é recomendável que você pague a quantia exata para não perder seu troco. Quando estiver sem dinheiro, é possível sacar mais em um caixa eletrônico. A maioria dos cartões internacionais funcionam. No entanto, nem todos os caixas aceitam as bandeiras EC, Cirrus ou Maestro. Você não tem como errar na hora de conseguir o visto. Além disso, não se preocupe com acomodação e segurança. O padrão e a higiene para todos os serviços oferecidos aumentaram muito nos últimos anos. É possível escolher Hotéis privados, como o Marriott e o Hyatt. No entanto, não espere encontrar alojamento mais barato do que 30 euros. Quanto à segurança, há baixa criminalidade no Azerbaijão, mas você deve tomar cuidado de qualquer forma. Especialmente à noite. Quando se trata de religião, você também não tem nada com que se preocupar. Os cidadãos do Azerbaijão são principalmente muçulmanos, mas suas vidas não são muito afetadas por isso. Eles têm uma separação estrita entre o estado e a religião. Eles não praticam a sua religião como a maioria dos países muçulmanos, exceto talvez pelo Ramadã, que é guardado pelos moradores. Além disso, há convivência pacífica com cristãos e judeus. O Azerbaijão também tem um sistema de saúde bastante eficiente. Os cuidados médicos são gratuitos mesmo para turistas, mas é melhor não confiar nisso fora de Baku. Não deixe de portar uma cópia do seu seguro de saúde internacional, só para garantir. Ao mesmo tempo, evite beber água da torneira. Chegamos a um dos assuntos favoritos do lugar, a comida. O Azerbaijão é muito rico em cultura, mas, quando se trata de comida, você pode voltar para casa 5 quilos mais pesado. A dieta lá é influenciada pela Turquia, Geórgia, Irã e Ásia Central. Como você pode imaginar, é uma culinária diversa e a maioria das especiarias e dos vegetais são cultivados em casa. Naturalmente, a alimentação depende de que região você decide visitar. Você vai encontrar uma variedade de peixes nas proximidades do mar Cáspio e muita carne de carneiro em todas as outras áreas. Cordeiro e carneiro são os mais populares, mas carne e aves também são consumidos. De qualquer maneira, a comida é requintada e você conhecerá os melhores kebabs de todos os tempos. Não deixe de conferir. Além disso, você receberá uma boa xícara de chá preto que pode ser aromatizado com cardamomo e canela após cada refeição. Experimente também a baklava ou a Halva, ambos deliciosos. O Azerbaijão é um país que vale a pena visitar, muito embora haja opiniões errôneas sobre ele. De qualquer forma, o ditado “quando em Roma, faça como romanos” se aplica. Você aproveitará muito melhor sua estadia se pesquisar cada um dos destinos que planeja visitar. Aprender mais é a chave.