É preciso de visto para ir para a China?

É preciso de visto para ir para a China?
iVisa | Atualizado em Feb 27, 2019

Este país da Ásia possui muitos contrastes e tem cada vez mais atraído a atenção das pessoas, pelo que neste artigo vamos explicar se é necessário visto para conhecer a China.

China

Visita livre de visto pelo período de 144 horas

O governo chinês recentemente decidiu eliminar a necessidade de ter um visto de trânsito, para quem esteja visitando o país por apenas 6 dias, e isso tem a intenção de aumentar o número de turistas, pois, além do Brasil, mais 52 países foram beneficiados. Por enquanto, a medida somente vale para algumas cidades, e são elas:

  • Pequim (Beijing);
  • Tianjin;
  • Shanghai;
  • Hangzhou;
  • Nanjing;
  • Hebei;
  • Dalian;
  • Shenyang.

Esta medida somente é válida em caso de conexões entre países, e somente quem possua a passagem comprada para um terceiro país pode realmente beneficiar disto.

É importante ressaltar que não é possível viajar para outras cidades durante a sua estadia sem visto, pois a autorização somente é válida para estas cidades em específico.

Visita livre de visto pelo período de 72 horas

Algumas outras cidades oferecem o limite de 72 horas para os visitantes, que poderão então fazer uma visita sem a necessidade de visto durante este tempo.

As regras são as mesmas que as aplicadas ao período de 6 dias, devendo ser apresentada a passagem para um terceiro país, que não poderá estar em território chinês, mas que pode incluir Macau, Hong Kong e Taiwan.

As cidades livres de visto para o período de 72 horas são os seguintes:

  • Changsha;
  • Chengdu;
  • Chongqing;
  • Guangzhou;
  • Guilin;
  • Harbin;
  • Kunming;
  • Qingdao;
  • Wuhan;
  • Xi'an;
  • Xiamen.

Para se informar melhor sobre a entrada livre de visto de 72 e 144 horas, aceda ao nosso site.

É necessário visto nos demais casos

Recentemente, a China assinou um acordo com o Brasil, em que o prazo para a duração do visto aumentou de 3 meses para até 5 anos, tanto para os brasileiros que desejam ir para o país asiático quanto para os chineses que desejam conhecer o país latino-americano.

Segundo este acordo, os turistas podem permanecer na China por um período de até 90 dias consecutivos, renováveis por mais 90 dias, e têm direito a entradas ilimitadas no país, o que significa que para permanecer mais tempo deverão entrar e sair do país a cada 3 meses, podendo fazer isso por até 5 anos.

O acordo também prevê que os vistos sejam emitidos em um prazo de até 5 dias úteis, o que significa que o visitante poderá obter o visto rapidamente.

Com a iVisa é mais fácil conseguir o visto para a China

A iVisa é uma das empresas que tem mais experiência na obtenção de vistos para China, e poderá auxiliá-lo na obtenção do seu documento para este país asiático que possui tantas belezas capazes de encantar os brasileiros.

Se deseja saber mais sobre a necessidade de visto para a China, aceda agora mesmo o site, temos uma base de dados para os nossos clientes com todas as informações necessárias.

Compartilhar esse artigo em
Need Help?