Visto para Hong Kong na China

Visto para Hong Kong na China
iVisa | Atualizado em Sep 26, 2019

À primeira vista, pode parecer estranho falar em um visto para uma determinada região dentro de um país. É como se estivéssemos a dizer a um turista estrangeiro que, ao invés de precisar de um visto para conhecer o Brasil, ele precisaria de solicitar um visto específico para o Rio de Janeiro, para o Recife ou para o Paraná.

China

Mas é exatamente isso o que ocorre quando o cidadão brasileiro planeia fazer uma viagem para a Região Administrativa Especial de Hong Kong. O território é dotado de tamanha autonomia política, económica, financeira, jurídica, que também possui as suas próprias diretrizes para a concessão de vistos. E diferentemente da República Popular da China, que exige o visto de turismo ou de negócios, o cidadão brasileiro pode ingressar e permanecer em Hong Kong, por até 90 dias, sem a necessidade de um visto.

Mas e se o voo não for direto? E se eu decidir ficar alguns dias também em Pequim? É exatamente para responder a essas e outras dúvidas que que preparamos este artigo contendo todas as informações sobre o visto para Hong Kong na China.

Viajando do Brasil para Hong Kong

Se você vai do Brasil diretamente para Hong Kong ou se sua escala ou conexão for em algum outro país que não a China, não precisa de se preocupar. O cidadão brasileiro não precisa de visto para Hong Kong, seja para lazer ou para finalidades comerciais, por um período máximo de 90 dias. Entretanto, caso você queira visitar outros destinos na China, como a capital Pequim, deverá requerer um visto do tipo “L” (turismo) ou “M” (negócios).

Se o seu voo faz escala ou conexão em Pequim ou Xangai, pode ser necessário um visto de trânsito. Para conseguir a isenção, você deve ter em atenção os seguintes requisitos:

  • Informar previamente a companhia aérea que você não irá permanecer por mais de 72 horas na cidade chinesa de ligação com o destino final;
  • O bilhete aéreo para Hong Kong deverá estar comprado, com assento reservado e respetivas datas de ida e volta confirmadas;
  • A escala ou conexão deverá dar-se num dos aeroportos das seguintes cidades: Pequim, Xangai, Guangzhou ou Chengdu.

Documentos necessários para viajar para Hong Kong na China

O cidadão brasileiro deverá viajar para Hong Kong na posse do seu passaporte original, com validade mínima de seis meses, a contar da data de embarque. É necessária uma página em branco para o selo concedido pelas autoridades de imigração, permitindo a sua entrada na cidade.

Ainda que não seja obrigatório, é altamente recomendado que você viaje com cópia das passagens de ida e regresso ao Brasil, assim como comprovativos de alojamento em Hong Kong, além de evidências de que você dispõe de recursos financeiros suficientes para arcar com todas as despesas relativas à sua estadia, tais como cartões de crédito internacionais ou dinheiro em espécie.

Assistência consular

Em caso de qualquer necessidade de assistência consular, o cidadão brasileiro deve ter em mãos as informações de contacto do Consulado-Geral do Brasil em Hong Kong, na China.

Compartilhar esse artigo em
Need Help?