logo
pt | $ USD

Explorar

Definições

Seleccione o seu idioma

Seleccione a sua moeda

  • AED United Arab Emirates Dirham
  • AFN Afghan Afghani
  • ALL Albanian Lek
  • AMD Armenian Dram
  • ANG Netherlands Antillean Guilder
  • AOA Angolan Kwanza
  • ARS Argentine Peso
  • AUD Australian Dollar
  • AWG Aruban Florin
  • AZN Azerbaijani Manat
  • BAM Bosnia-Herzegovina Convertible Mark
  • BBD Barbadian Dollar
  • BDT Bangladeshi Taka
  • BGN Bulgarian Lev
  • BIF Burundian Franc
  • BMD Bermudan Dollar
  • BND Brunei Dollar
  • BOB Bolivian Boliviano
  • BRL Brazilian Real
  • BSD Bahamian Dollar
  • BWP Botswanan Pula
  • BZD Belize Dollar
  • CAD Canadian Dollar
  • CDF Congolese Franc
  • CHF Swiss Franc
  • CLP Chilean Peso
  • CNY Chinese Yuan
  • COP Colombian Peso
  • CRC Costa Rican Colón
  • CVE Cape Verdean Escudo
  • CZK Czech Republic Koruna
  • DJF Djiboutian Franc
  • DKK Danish Krone
  • DOP Dominican Peso
  • DZD Algerian Dinar
  • EGP Egyptian Pound
  • ETB Ethiopian Birr
  • EUR Euro
  • FJD Fijian Dollar
  • FKP Falkland Islands Pound
  • GBP British Pound Sterling
  • GEL Georgian Lari
  • GIP Gibraltar Pound
  • GMD Gambian Dalasi
  • GNF Guinean Franc
  • GTQ Guatemalan Quetzal
  • GYD Guyanaese Dollar
  • HKD Hong Kong Dollar
  • HNL Honduran Lempira
  • HTG Haitian Gourde
  • HUF Hungarian Forint
  • IDR Indonesian Rupiah
  • ILS Israeli New Sheqel
  • INR Indian Rupee
  • ISK Icelandic Króna
  • JMD Jamaican Dollar
  • JPY Japanese Yen
  • KES Kenyan Shilling
  • KGS Kyrgystani Som
  • KHR Cambodian Riel
  • KMF Comorian Franc
  • KRW South Korean Won
  • KYD Cayman Islands Dollar
  • KZT Kazakhstani Tenge
  • LAK Laotian Kip
  • LBP Lebanese Pound
  • LKR Sri Lankan Rupee
  • LRD Liberian Dollar
  • LSL Lesotho Loti
  • MAD Moroccan Dirham
  • MDL Moldovan Leu
  • MGA Malagasy Ariary
  • MKD Macedonian Denar
  • MNT Mongolian Tugrik
  • MOP Macanese Pataca
  • MUR Mauritian Rupee
  • MVR Maldivian Rufiyaa
  • MWK Malawian Kwacha
  • MXN Mexican Peso
  • MYR Malaysian Ringgit
  • MZN Mozambican Metical
  • NAD Namibian Dollar
  • NGN Nigerian Naira
  • NIO Nicaraguan Córdoba
  • NOK Norwegian Krone
  • NPR Nepalese Rupee
  • NZD New Zealand Dollar
  • OMR Omani Rial
  • PAB Panamanian Balboa
  • PEN Peruvian Nuevo Sol
  • PGK Papua New Guinean Kina
  • PHP Philippine Peso
  • PKR Pakistani Rupee
  • PLN Polish Zloty
  • PYG Paraguayan Guarani
  • QAR Qatari Rial
  • RON Romanian Leu
  • RSD Serbian Dinar
  • RUB Russian Ruble
  • RWF Rwandan Franc
  • SAR Saudi Riyal
  • SBD Solomon Islands Dollar
  • SCR Seychellois Rupee
  • SEK Swedish Krona
  • SGD Singapore Dollar
  • SHP Saint Helena Pound
  • SLL Sierra Leonean Leone
  • SOS Somali Shilling
  • SRD Surinamese Dollar
  • SVC Salvadoran Colón
  • SZL Swazi Lilangeni
  • THB Thai Baht
  • TJS Tajikistani Somoni
  • TOP Tongan Pa anga
  • TRY Turkish Lira
  • TTD Trinidad and Tobago Dollar
  • TWD New Taiwan Dollar
  • TZS Tanzanian Shilling
  • UAH Ukrainian Hryvnia
  • UGX Ugandan Shilling
  • USD United States Dollar
  • UYU Uruguayan Peso
  • UZS Uzbekistan Som
  • VND Vietnamese Dong
  • VUV Vanuatu Vatu
  • WST Samoan Tala
  • XAF CFA Franc BEAC
  • XCD East Caribbean Dollar
  • XOF CFA Franc BCEAO
  • XPF CFP Franc
  • YER Yemeni Rial
  • ZAR South African Rand
  • ZMW Zambian Kwacha
Índia
156,000+ Documentos de viagem processados pela iVisa
 
 
 
 
 
 
 
 
 

1.2M Clientes satisfeitos

24/7Apoio

+46,000 críticas

10 Anos de experiência

98% taxa de aprovação de vistos

Como candidatar-se: Visto eletrónico para empresas

01
Preencher a candidatura em linha

Preencha a nossa candidatura em linha fácil e pague com cartão de crédito ou PayPal

02
Receba seu documento por e-mail

Enviamos o seu visto 100% online, sem a necessidade de ir à embaixada.

03
Entre no seu destino

Apresente seu passaporte e seu e-visto ao chegar ao seu país de destino.

Como candidatar-se: Registo na Embaixada

01
Preencher a candidatura em linha

Preencha a nossa candidatura em linha fácil e pague com cartão de crédito ou PayPal

02
Viajar em segurança

A sua embaixada prestar-lhe-á assistência em caso de emergência (por exemplo, catástrofes naturais, agitação civil, etc.)

Porquê registar-se na Embaixada

Travel Registration is a service provided by the government. This service allows you to record information about your upcoming trip abroad to the Department of State so it can be used to assist you in case of an emergency. People residing abroad can also get routine information from their nearest embassy or consulate if registered.

Informações necessárias para se candidatar

Depois de se ter registado na sua embaixada ou consulado, terá de atualizar os seus dados se:

  • alteração dos seus dados de contacto,
  • o seu estado civil mudar,
  • regressa ao seu país de origem.

Saiba mais: Visto eletrónico para empresas

What you need to know

  • O Indian Business e-Visa é um visto (Entrada múltipla visa).

  • O visto de negócios indiano e-é válido para 1 Ano após a chegada. Pode entrar na Índia em qualquer data que deseje dentro deste período.

  • Para requerer o visto eletrónico para empresas indianas, o seu passaporte deve ter, pelo menos, seis meses de validade a contar da data de chegada à Índia e duas páginas em branco.

  • Enquanto titular do visto, pode permanecer no país por um período não superior a 180 dias no total.

  • Se só vai fazer uma escala num dos aeroportos da Índia, não precisa deste visto.

  • Deve levar sempre consigo uma cópia do visto indiano durante a viagem.

  • O visto indiano de negócios e-é válido para entrada através de 29 aeroportos designados (i.e. Deli, Mumbai, Chennai, Calcutá, Thiruvananthapuram, Bengaluru, Hyderabad, Cochim, Goa, Ahmedabad, Amritsar, Gaya, Jaipur, Lucknow, Trichy, Varanasi, Calicut, Mangalore, Pune, Nagpur, Coimbatore, Bagdogra, Guwahati, Chandigarh, Visakhapatnam, Madurai, Bhubaneswar, Port Blair e Kannur) e 5 portos marítimos designados (i.ou seja, Mumbai, Cochin, Mormugao, Chennai, New Mangalore). No entanto, os viajantes podem sair de qualquer um dos postos de controlo da imigração (ICPs) autorizados na Índia.

  • O visto indiano e-não é-prorrogável.

  • Os nacionais dos países afectados pela febre amarela devem ser portadores de um cartão de vacinação contra a febre amarela à chegada à Índia, caso contrário podem ser colocados em quarentena durante 6 dias à chegada. Ver países afectados pela febre amarela aqui

  • A iVisa é uma empresa legítima, acreditada e reconhecida pela Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA). Para mais informações, consulte as perguntas frequentes abaixo.

Candidata-te hoje a um visto eletrónico para empresas na Índia connosco!

Última atualização: novembro de 2023

Embarca numa viagem de negócios à Índia, uma terra repleta de oportunidades, desde as proezas financeiras de Mumbai às inovações tecnológicas de Bangalore.

Confia em nós para simplificar o processo para o teu documento de viagem essencial, o India Business eVisa. Com a nossa plataforma simplificada e fácil-para-usar [aplicação móvel] (https://app.adjust.com/10grvaif), podes garantir o teu eVisa rapidamente, muitas vezes em poucos dias.

Junta-te a nós enquanto te guiamos através de um processo de candidatura fácil, garantindo que te concentras nas tuas ambições empresariais na vibrante Índia.

Preenche-me

O que é o Visto de Negócios para a Índia e-?

O Visto de Negócios da Índia e-é uma autorização eletrónica para viagens relacionadas com negócios-para a Índia. Ao contrário dos vistos tradicionais carimbados no passaporte, este visto eletrónico-está ligado eletronicamente ao teu passaporte.

Foi concebido para quem deseja exercer actividades comerciais na Índia, mas não é válido para fins de emprego. Após a candidatura, os beneficiários recebem o seu visto e-por correio eletrónico, que devem imprimir e apresentar à chegada à Índia. Simplifica o processo de obtenção de autorização para viagens de negócios, tornando-o mais acessível e eficiente para os viajantes internacionais de negócios.

O que podes fazer com o Visto e-de Negócios da Índia?

  • Participar em reuniões e conferências de negócios.

  • Estabelecer contactos comerciais e explorar oportunidades de mercado.

  • Negoceia e assina contratos ou acordos.

  • Participa em feiras e exposições.

  • Realizar actividades de venda ou de compra.

  • Visita e percorre as instalações da empresa.

  • Conduzir sessões de formação ou workshops.

-* Participa em actividades comerciais de curta duração.

O que não podes fazer com o Visto de Negócios da Índia e-?

-* Obter emprego ou trabalhar a tempo inteiro para uma empresa indiana.

  • Participar em qualquer forma de estabelecimento permanente ou de actividades-lucrativas.

  • Inscreve-te em qualquer instituição de ensino ou participa em programas de formação de longa duração-.

  • Prorrogar ou converter para outro tipo de visto.

  • Viaja para áreas restritas ou protegidas sem autorizações especiais.

Quem pode solicitar um Visto de Negócios para a Índia e-?

A elegibilidade para solicitar o Visto de Negócios para a Índia e-inclui:

  • Indivíduos não elegíveis para isenção de visto ou visto à chegada à Índia.

  • Candidatos que não possuam atualmente um Visto de Negócios para a Índia e-válido.

  • Os que planeiam uma viagem de negócios à Índia, que não exceda 180 dias por visita.

  • Os requerentes que pretendam participar em actividades comerciais, tais como reuniões, conferências ou estabelecimento de empreendimentos comerciais.

  • Os requerentes que pretendam apresentar um pedido a título individual ou no âmbito de um pedido de grupo.

*Tem em atenção que este visto e-não é adequado para quem procura emprego ou compromissos comerciais a longo-prazo na Índia.

Quem é elegível para o Visto de Negócios para a Índia e-?

A elegibilidade para o Visto de Negócios para a Índia e-estende-se a cidadãos de muitos países. A lista inclui, mas não se limita a, países como os Estados Unidos, o Reino Unido, o Canadá, a Austrália, a Alemanha, a França, a Itália, a Suécia e o Brasil. Nacionais de mais de 160 países são elegíveis para solicitar o Visto Índia Business e-.

Devido à natureza extensa da lista, aconselhamos a utilização da nossa [Visa Checker Tool] (https://www.ivisa.com/) para verificar se precisas deste visto.

Visto-isento: Quem não precisa de requerer o Visto para Negócios na Índia e-?

Certas nacionalidades estão isentas da obrigação de obter um Visto de Negócios para a Índia e-:

  1. Os nacionais do Butão e do Nepal não necessitam de visto ou passaporte para entrar na Índia e podem viver e trabalhar no país sem qualquer limite de permanência. No entanto, não podem chegar ou transitar pela China continental, Hong Kong, Macau e Paquistão antes de entrar na Índia.

  2. Os nacionais das Maldivas estão isentos de visto-para visitas até 90 dias.

  3. Cidadãos ultramarinos da Índia (OCI) e pessoas de origem indiana (PIO): Os cidadãos estrangeiros titulares de um cartão OCI ou PIO válido estão isentos da obrigação de visto para viver e trabalhar na Índia, sem qualquer limite de permanência. Esta isenção aplica-se igualmente aos titulares de cartões PIO caducados após 9 de janeiro de 2015, com exceção dos nacionais do Bangladesh e do Paquistão.

Validade do visto para negócios na Índia e-: Durante quanto tempo é válido o visto para negócios na Índia e-?

Este visto de entrada múltipla-é válido por um ano a partir da chegada à Índia. Permite uma estadia máxima de 180 dias, quer numa estadia contínua quer em viagens múltiplas.

Posso prolongar o meu Visto de Negócios para a Índia e-?

O Visto de Negócios para a Índia e-não pode ser prorrogado. Uma vez atingido o período de validade de 1 ano a partir da data de chegada ou a estadia máxima de 180 dias, não podes prolongar o visto na Índia.

Tens de pedir um novo visto se precisares de ficar mais tempo. É importante planear a tua viagem em conformidade e respeitar a validade e as condições do teu visto e-.

Documentos necessários para o visto de negócios para a Índia e-

Para solicitares o Visto de Negócios para a Índia e-, são necessários os seguintes documentos:

  • Passaporte: Válido por pelo menos seis meses a partir da data de chegada à Índia.

  • Foto estilo passaporte-: Uma fotografia recente a cores com fundo branco.

  • Cartão de visita ou carta:** Um cartão de visita ou uma carta de convite da empresa anfitriã na Índia.

  • Comprovativo de regresso:** Comprovativo dos bilhetes de avião de ida ou de regresso.

  • Endereço de correio eletrónico:** Para receber o visto e-.

  • Meios de pagamento:** Cartão de crédito ou de débito para a taxa de visto.

À entrada na Índia, poderás ter de apresentar estes documentos juntamente com o teu visto e-.

Requisitos financeiros para a Índia

Para obter o visto de negócios para a Índia e-, os requerentes devem demonstrar que dispõem de meios financeiros suficientes para suportar a sua estadia na Índia. Para o efeito, apresenta os seguintes documentos

  • Declarações bancárias ou registos financeiros.

  • Prova de emprego** ou de actividades comerciais.

  • Comprovativo de alojamento** e de viagem na Índia.

Estes documentos ajudam a garantir aos funcionários dos serviços de imigração que podes sustentar financeiramente as tuas actividades comerciais na Índia sem problemas.

Como solicitar o visto de negócios para a Índia em linha?

Para obter o visto de negócios para a Índia, tens de seguir os seguintes passos:

Passo 1: Preenche o nosso formulário simplificado de pedido de visto, no qual introduzirás informações sobre o teu trabalho, empregador e motivo da tua viagem. Pedimos-te que verifiques duas vezes-se todas as informações introduzidas estão correctas antes de pagares a taxa do visto.

Passo 2: Paga a taxa de visto com um cartão de crédito, de débito, Venmo ou PayPal.

Passo 3: Finalmente, carrega todos os teus documentos comprovativos. Certifica-te de que são legíveis. As digitalizações desfocadas ou manchadas estão entre as razões mais comuns para a recusa do visto.

E pronto! Podes então relaxar e deixar-nos fazer o teu trabalho árduo.

Assim que recebermos o teu pedido, um dos nossos agentes irá verificá-lo cuidadosamente, juntamente com os teus documentos comprovativos, e certificar-se de que não existem inconsistências. Se houver algum problema, entraremos em contacto contigo por e-mail antes de processar o teu pedido.

Quando o teu visto de negócios for aprovado, recebê-lo-ás por correio eletrónico. O visto de negócios está ligado eletronicamente ao teu passaporte e aparecerá no sistema assim que chegares à Índia. No entanto, recomendamos sempre que o imprimas antes da tua viagem e que leves uma cópia impressa durante a tua estadia.

É muito fácil, não achas? Candidata-te agora!

Custos e prazos de processamento do Visto de Negócios para a Índia

A taxa governamental para o Visto de Negócios é USD $82.50, e todos os nossos preços incluem a taxa de visto do governo indiano, pelo que podes pagar tudo de uma só vez.

O processamento do visto eletrónico de turista para a Índia pode demorar entre 2 e 5 dias, mas por vezes demora mais tempo. Se fizeres o pedido connosco, o processo será mais fácil e mais curto.

Preciso do visto de negócios da Índia e-para transitar pelo país?

Se estiveres a transitar pela Índia e não tencionares sair da área de trânsito internacional do aeroporto, normalmente não precisas de um Visto para Negócios na Índia e-. No entanto, se tencionares sair do aeroporto ou entrar na Índia para quaisquer actividades relacionadas com negócios-, mesmo que por pouco tempo, tens de obter um Visto para Negócios na Índia e-.

Pode ser necessário um visto de trânsito separado para os viajantes que necessitem de sair do aeroporto durante o trânsito por motivos não profissionais.

Requisitos ou restrições de entrada na Índia

A partir de novembro de 2023, são os seguintes os requisitos e restrições de entrada na Índia relacionados com a saúde-:

  • COVID-19 testing: Os testes RTPCR obrigatórios para passageiros de países específicos já não são necessários a partir de 13 de fevereiro de 2023. Isto inclui os viajantes da China, Hong Kong, Japão, Coreia do Sul, Singapura e Tailândia. Além disso, os viajantes destes países também não são obrigados a preencher o formulário de declaração de saúde auto-no portal Air Suvidha.

  • Testes aleatórios:** A Índia continua a efetuar testes RTPCR aleatórios à chegada a 2% de todos os passageiros internacionais, independentemente do seu país de origem.

  • Rastreio sanitário:** Todos os viajantes serão submetidos a um rastreio térmico à chegada à Índia. Os viajantes sintomáticos serão isolados e testados novamente em-. Os viajantes seleccionados para serem testados à chegada são autorizados a sair do aeroporto após a recolha da amostra e não são obrigados a esperar pelos resultados. No entanto, todos os viajantes são obrigados a auto-monitorizar-se durante 14 dias após a chegada.

  • Quarentena: Qualquer viajante que tenha um teste positivo à chegada ou enquanto estiver na Índia deve isolar-se durante oito dias. Os outros viajantes devem auto-monitorizar a sua saúde após a chegada-. Alguns estados indianos podem exigir testes à chegada e/ou quarentena para indivíduos que chegam de fora das suas fronteiras.

Diferenças entre o eVisa para negócios na Índia e o eVisa para turistas na Índia

O India Business eVisa e o India Tourist eVisa têm objectivos distintos e critérios e condições de elegibilidade diferentes:

India Business eVisa

  • Objetivo: Especificamente concebido para pessoas que exercem actividades comerciais na Índia. Estas actividades incluem a participação em reuniões e conferências, a criação de empresas ou a participação em feiras comerciais.

  • Validade: Normalmente, é válido por um ano a contar da data de emissão, sendo permitidas várias entradas. A permanência máxima contínua é limitada a 180 dias.

  • Requisitos: Os requerentes devem apresentar documentos relacionados com o negócio-, tais como uma carta de convite da empresa anfitriã na Índia ou um cartão de visita.

Visto de turista para a Índia

  • Objetivo: Destina-se a viajantes que visitam a Índia para fins turísticos, tais como visitas turísticas, lazer ou encontros com amigos e familiares.

  • Validade: O visto eletrónico para turistas é geralmente válido por um ano a contar da data de emissão, permitindo várias estadias de curta duração (cada estadia não pode exceder 90 dias para a maioria das nacionalidades e 180 dias para os cidadãos dos EUA, do Reino Unido, do Canadá e do Japão).

  • Requisitos: Menos rigorosos do que o Business eVisa, normalmente exigindo apenas informações pessoais básicas e detalhes da viagem.

Para as pessoas que planeiam visitar a Índia, é crucial escolher o tipo de visto correto com base na natureza da sua visita. Se solicitares o tipo de visto errado, podes ser impedido de entrar no país ou ter outras complicações legais.

Onde posso obter mais informações sobre o visto de negócios para a Índia?

A nossa equipa online dedicada de [agentes do serviço de apoio ao cliente] (https://www.ivisa.com/contact-us) está disponível através do chat online para ajudar com quaisquer questões, ou podes enviar-lhes um e-mail para [email protected].

Perguntas?

A nossa empresa é acreditada e reconhecida pela Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) e tem um Código de Agência validado pela IATA. Se desejar verificar esta informação, pode verificar a nossa filiação utilizando o nosso rolamento n.º 23716873 em http://store.iata.org/ieccacfree.

Lembre-se que a equipa de serviço ao cliente em iVisa.com está aqui 24/7 para responder a quaisquer perguntas que possa ter sobre o nosso serviço.

Exigimos o seguinte para apresentar a sua candidatura:

  • Fotografia do candidato
  • Página do passaporte
  • Última página do passaporte (Se aplicável)
  • Carta de convite de negócios

COMO TIRAR A FOTOGRAFIA PERFEITA PARA O SEU VISTO: Veja o nosso vídeo

COMO TIRAR A FOTOGRAFIA PERFEITA DOS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS: Veja o nosso vídeo

Sim, o seu visto electrónico ainda é válido, por isso não precisa de solicitar um novo visto se este tiver sido emitido em 2021 ou antes, e é entre a duração dos anos em que o seu visto foi aprovado

O período de validade do seu e-Visto começa a partir da data especificada no seu documento Business e-Visa aprovado.

Pode entrar na Índia em qualquer data dentro deste período de validade.

Obtenha aqui o seu visto electrónico de negócios para a Índia!

  • Exigência de testes COVID: Não há requisitos de testes.
Não. Os passaportes ou certificados de vacinação COVID não são obrigatórios para entrar na Índia. No entanto, os viajantes são encorajados a completar a série de vacinação primária. Uma vez que a informação pode mudar rapidamente, aconselhamo-lo a acompanhar as últimas actualizações de viagens à Índia e/ou a contactar a sua embaixada local.

Uma vez recebido o Business e-Visa aprovado, deve imprimir pelo menos uma cópia do documento e apresentá-lo às autoridades fronteiriças aquando da sua chegada à Índia, juntamente com o mesmo passaporte que foi utilizado para a candidatura em linha.

Recomenda-se que mantenha sempre consigo uma cópia do e-Visto durante toda a sua estadia.

Não, a duração da estadia não pode ser prolongada. No entanto, uma vez que o e-Visto permite múltiplas entradas, pode sair da Índia e regressar imediatamente para ficar por outra 180 dias no total (ou quando o e-Visto expira, o que for mais cedo).
Está limitado às seguintes actividades comerciais:
  • Criação de um empreendimento industrial/empresarial
  • Venda/compra/comércio
  • Assistir a reuniões técnicas/de negócios
  • Recrutamento de mão de obra
  • Participação em exposições, feiras de negócios/ feiras comerciais
  • Perito/especialista em relação a um projecto em curso
  • Realização de visitas guiadas
Tal como no caso do Tourist e-Visa, a Índia exige que se candidate dentro de 120 dias após a data de chegada prevista. No entanto, pode candidatar-se connosco em qualquer altura, uma vez que nós enfileiraremos automaticamente a sua encomenda até ser a altura certa para processar a sua candidatura.

É necessária uma vacina contra a febre amarela se viajar de um país com risco de transmissão de febre amarela.

Mais informações no seguinte link

Ao fazer negócios em um país estrangeiro, uma das primeiras coisas que você deve fazer é pesquisar sobre a etiqueta relacionada aos negócios no país escolhido. É apenas senso comum, especialmente se você mudar de continente. Os países próximos podem ter uma cultura parecida com a sua, embora não seja sempre o caso, mas países distantes geralmente têm uma cultura totalmente diferente, que precisa ser respeitada. A primeira lição é sempre saber como não ofender ninguém durante uma transação comercial. A cultura da Índia é diferente da maioria dos outros países do mundo. Antes de tentar uma conexão com alguma empresa de lá, você deve aprender a etiqueta dos negociantes indianos. Algumas coisas podem parecer estranhas, enquanto outras soarão lógicas, por estarem enraizadas na cultura do país. Como ninguém nasce com esse tipo de informação, o propósito desse artigo é lhe oferecer o básico. A primeira coisa que você precisa saber é a mentalidade de negócios na Índia. Há sempre um chefe. Na índia, o chefe não faz nada que não possa ser feito por outra pessoa em um nível corporativo inferior. Não tem a ver com ser rude ou irresponsável, mas com status. É o sinal de que alguém pode descansar agora porque trabalhou muito duro para conseguir sua posição. Isso não deve ser confundido com a responsabilidade de um líder. O trabalho começa geralmente às dez da manhã, bem mais tarde do que em vários países. No entanto, algumas empresas estão tentando mudar, isso, começando às sete da manhã para evitar o congestionamento. Há dois tipos de negócios na Índia. O primeiro, mais moderno, é parecido com o que se pratica em todos os lugares do mundo. Nesse caso, há investidores e todas as coisas com as quais você já está acostumado. O segundo tipo é o negócio familiar. Depende de com quem você está tratando. Em ambas as situações, as decisões são tomadas pelo cargo mais alto da organização. Isso é útil porque pode poupá-lo do esforço de negociar com um funcionário sem poder de decisão. No que diz respeito a saudação, você deve saber que a hierarquia na Índia é muito importante. Quando você entrar em uma sala de conferências ou encontrar empresários para o almoço, deve cumprimentar primeiro a pessoa com o cargo mais alto. Você também deve começar com a pessoa mais velha. Este é um grande sinal de respeito. Ao mesmo tempo, os indianos valorizam muito os títulos. Se a pessoa que você está falando tem um título, você deve sempre usá-lo. Por exemplo, se a pessoa que você está abordando é um médico ou um professor, sempre use seu título quando estiver falando dela ou com ela. Se não houver um título a ser usado, o correto é Senhor ou Senhora. Para conduzir negócios com indianos, você também deve dominar a arte da conversação. Não precisa ser um grande conversador, mas é importante saber o que dizer e o que não dizer. Os indianos adoram falar de coisas triviais como críquete, filmes e política. Eles também gostam de falar sobre a reforma recente. Pesquise esses assuntos ou não terá ideia de como responder. A coisa mais importante é falar com eles sobre a sua cultura, porque indianos são muito orgulhosos dela. Além disso, conhecer a história deles contará pontos preciosos. Os indianos falam inglês e hindu. Comunicação, portanto, não deve ser um problema. No entanto, um assunto que não costuma ser bem-vindo é a religião. Indianos são muito tolerantes, mas não gostam de discutir religião. Eles não costumam usar palavras negativas, como NÃO. É por isso que você pode acabar ouvindo um “talvez” que significa não. Porém, sua linguagem corporal é muito expressiva. Você pode se ficar nela para fazer esse tipo de distinção. Se alguém diz sim, mas sua cabeça fica no meio termo entre acenar positiva e negativamente, pode ser um não. Fique atento para obter respostas mais claras. Se você quiser agendar uma reunião, você deve fazê-lo com um mês de antecedência. Sim, é muito, mas é assim que as coisas funcionam. Enquanto os indianos adorem pontualidade, eles provavelmente vão se atrasar para a sua reunião. Não encare como um mau sinal, pois é uma prática comum. Use terno se for homem. Mulheres devem usar terninhos com uma saia que cubra os joelhos. Como a Índia é um país quente, você pode manter a camisa de manga comprida e não usar o paletó. É costume oferecer presentes na Índia, mesmo em ambientes de negócios, mas a pessoa que recebe o presente nunca irá abri-lo até que o hóspede tenha saído. No entanto, você nunca deve dar a um indiano um presente feito de couro. Em sua maioria, eles são um povo vegetariano e acharão isso ofensivo. Além disso, você sabe qual animal é o seu animal sagrado, certo? Ao almoçar, mesmo que você for canhoto, deve comer com a mão direita. Os indianos acreditam que a mão esquerda é impura. Os pés também são considerados impuros, então você nunca deve apontá-los para outra pessoa. A cabeça, no entanto, é considerada o lar da alma, o ponto mais próximo do céu. Nunca toque na cabeça de um indiano, nem mesmo de uma criança. Como você pode ver, indianos podem não ter os hábitos de negócios mais comuns, mas não é difícil saber como se virar. Em países estrangeiros, você deve sempre seguir as regras locais. É melhor para todo mundo, inclusive para o seu negócio. Suas chances de sucesso são maiores. Além disso, convenhamos, não há nada nessa lista que você não possa aprender e respeitar.
Isenção de responsabilidade
  • iVisa is NOT affiliated with any government agency. This site does not provide legal advice and we are not a law firm. None of our customer service representatives are lawyers and they also do not provide legal advice. We are a private, internet-based travel and immigration consultancy provider dedicated to helping individuals travel around the world. You may apply by yourself directly on the various government websites. A fonte de informação: https://boi.gov.in/boi/
Chat on WhatsApp
Chat intercomunicador