Tire agora seu Jordan Pass online

Coronavirus update

Atualização sobre o COVID-19

Devido às restrições governamentais, estamos aceitando apenas pedidos com datas de chegada após Agosto 14 2020. Faça seu pedido com antecedência para viagens planejadas.

Como Solicitar: Jordan Pass

Preencha a solicitação pela internet

Complete o nosso fácil pagamento on-line com cartão de crédito ou PayPal

Preencha a solicitação pela internet
Receba o documento por correio electrónico

Não há necessidade de lidar com a embaixada. Fazemos isso por você para que você não perca um tempo valioso.

Receba o documento por correio electrónico
Digite o destino

Apresente seu passaporte e o documento que fornecemos ao entrar no país de destino

Digite o destino
Solicitar agora

Saiba mais: Jordan Pass

O Jordan Pass é uma iniciativa do Ministério do Turismo da Jordânia para facilitar a viagem dos turistas para o país. As principais vantagens do Passe são que ele isenta das taxas de visto (aproximadamente 56 dólares) e concede entrada gratuita em mais de 36 atrações turísticas, incluindo 3 dias consecutivos para visitar a Petra. Depois de comprar o Jordan Pass, tudo o que você precisa fazer é mostrá-lo ao chegar no aeroporto e na porta de qualquer atração inclusa no passe. Simples assim! Economize bastante na taxa de visto e nos custos com ingressos para atrações.

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós

Perguntas Frequentes

O Jordan Pass é um bilhete turístico que isenta das taxas de visto (para turistas que forem ficar no mínimo 3 noites inteiras na Jordânia) e permite que cidadãos de países elegíveis entrem gratuitamente em mais de 36 atrações na Jordânia, incluindo uma visita à Petra de 3 dias consecutivos.
Você precisa ter um passaporte com validade mínima de 6 meses a partir da data de entrada na Jordânia.

O Jordan Pass custa 118 dólares. Além disso, existe uma taxa de serviço de:

  • Processamento padrão: USD 40.00

  • Processamento expresso: USD 60.00

  • Processamento super expresso: USD 80.00

Depende do tempo de processamento que você escolher. Nós oferecemos três opções:

  • Processamento padrão: 3 dias

  • Processamento expresso: 2 dias

  • Processamento super expresso: 1 dia

O Jordan Pass é válido por 12 meses após a data de emissão. Ele isenta as taxas do Visto ao Chegar, que possui validade de 30 dias. No entanto, a isenção das taxas de entrada das atrações turísticas inclusas no visto expira depois de 2 semanas que o visto foi escaneado pela primeira vez.
O Jordan Pass isenta as taxas de visto para os seguintes países:
  • Andorra
  • Antígua e Barbuda
  • Argentina
  • Armênia
  • Austrália
  • Áustria
  • Azerbaijão
  • Bahamas
  • Barbados
  • Bielorrússia
  • Bélgica
  • Bolívia
  • Bósnia e Herzegovina
  • Brasil
  • Brunei
  • Bulgária
  • Canadá
  • Cabo verde
  • Chile
  • China
  • Costa Rica
  • Croácia
  • Chipre
  • República Tcheca
  • Dinamarca
  • Dominica
  • República Dominicana
  • Equador
  • Estônia
  • Fiji
  • Finlândia
  • França
  • Geórgia
  • Alemanha
  • Groelândia
  • Guatemala
  • Guiana
  • Haiti
  • Honduras
  • Hong Kong
  • Hungria
  • Islândia
  • Índia
  • Indonésia
  • Irlanda
  • Israel
  • Itália
  • Jamaica
  • Japão
  • Cazaquistão
  • Quênia
  • Kiribati
  • Kosovo
  • Quirguistão
  • Letônia
  • Lesoto
  • Liechtenstein
  • Lituânia
  • Luxemburgo
  • Macau
  • Macedônia
  • Malawi
  • Malásia
  • Ilhas Maldivas
  • Malta
  • Ilhas Marshall
  • Ilhas Maurício
  • México
  • Estados Federados da Micronésia
  • Mônaco
  • Montenegro
  • Nauru
  • Países Baixos
  • Nova Zelândia
  • Nicarágua
  • Coreia do norte
  • Noruega
  • Panamá
  • Paraguai
  • Peru
  • Polônia
  • Portugal
  • Romênia
  • Rússia
  • Ruanda
  • São Cristóvão e Nevis
  • Santa Lúcia
  • São Vicente e Granadinas
  • Salvador
  • Samoa
  • São Marino
  • São Tomé and Príncipe
  • Sérvia
  • Seychelles
  • Singapura
  • Eslováquia
  • Eslovênia
  • Ilhas Salomão
  • África do Sul
  • Coreia do Sul
  • Espanha
  • Suriname
  • Suazilândia
  • Suécia
  • Suíça
  • Taiwan
  • Tajiquistão
  • Tailândia
  • Tonga
  • Trindade e Tobago
  • Turquia
  • Turcomenistão
  • Tuvalu
  • Ucrânia
  • Reino unido
  • Estados Unidos
  • Uruguai
  • Uzbequistão
  • Vanuatu
  • Vaticano
  • Venezuela
  • Zimbábue

O Jordan Pass é um das melhores aquisições para turistas que visitam a Jordânia. No entanto, existem alguns casos em que nós não recomendamos sua aquisição:

  • Se ficar menos de 3 noites inteiras, não receberá isenção da taxa de visto e será solicitado que você pague a taxa de visto (cerca de 60 dólares) ao partir.

  • Se você tem menos de 12 anos, pode entrar gratuitamente nas atrações turísticas se estiver acompanhado pelos pais.

  • Se você possui nacionalidade árabe, pode pagar as entradas locais com desconto.

É muito simples! Depois que processamos sua solicitação, enviamos o passe por e-mail em duas versões, uma em pdf e uma como imagem. Imprima o seu Jordan Pass (pois pode ser que o código QR não seja legível através da tela do seu celular) e mostre-o no aeroporto juntamente com o seu passaporte ao chegar. Além disso, apresente também o Jordan Pass e sua identidade na porta das atrações turísticas. Os policiais darão uma olhada no passe e farão a leitura do código QR.
O Jordan Pass permite entrada gratuita na Petra por 3 dias consecutivos. Também permite uma única entrada em mais de 36 atrações turísticas.

Se o viajante partir de um país com riscos de transmissão de febre amarela, será necessário apresentar um cartão de vacina contra a febre amarela.

Mais informações no link a seguir:

https://www.who.int/ith/ITH_Annex_I.pdf

A Jordânia é um país pequeno, mas bonito, no Oriente Médio e também é um dos estados mais amigáveis, modernos e liberais da região. Não é como nenhum outro país predominantemente muçulmano. Desde que também recebam respeito, eles vão respeitar a cultura de outras pessoas. Se decidir visitar o país, sua estadia na Jordânia será com certeza muito agradável. Mas antes de começar a planejar sua viagem para a Jordânia, existem algumas coisas que você deve saber.

Quanto aos respeito aos requisitos de entrada, você vai ver que a Jordânia possui uma política de vistos bastante branda. Como qualquer outro país, algumas nacionalidades são isentas de visto (12, para ser mais preciso). Cidadãos do Bahrein, Egito, Israel, Kuwait, Líbano, Omã, Autoridade Palestina, Catar, Arábia Saudita, Turquia, Tunísia e Emirados Árabes Unidos podem viajar e permanecer na Jordânia sem um visto por um período que varia entre 1 e 2 meses. Libaneses não precisam nem de um passaporte para entrar na Jordânia.

Fora essas nacionalidades, existem 120 outros países e territórios em que seus cidadãos podem tirar um visto ao chegar para entrar na Jordânia. As nacionalidades elegíveis podem ficar por até 2 meses na Jordânia, com exceção dos cidadãos da Argélia, Hong Kong, Japão, Índia, Marrocos, África do Sul e Coreia do Sul, que podem permanecer por apenas 30 dias.

Todas as outras nacionalidades que não se enquadram em nenhum destes dois casos devem visitar a missão diplomática da Jordânia mais próxima e solicitar um visto padrão. Outra coisa interessante é que existe algo chamado Jordan Pass. O documento não apenas isenta as taxas de visto, mas também permite que você entre gratuitamente em 36 atrações turísticas na Jordânia, incluindo uma visita de 3 dias (consecutivos) à Petra, uma das atrações turísticas mais populares da Jordânia. O Jordan Pass deve ser adquirido antes de você chegar na Jordânia e, quando sair, precisa provar que ficou no país por pelo menos três dias consecutivos. Caso contrário, você será obrigado a pagar a taxa do visto antes de partir. Além disso, se chegar na Jordânia e tirar um visto ao chegar, mas depois quiser adquirir um Jordan Pass, você não receberá isenção das taxas de nenhum dos dois documentos. É por isso que você deve solicitar o Jordan Pass antes de viajar. O iVisa pode ajudar com isso.

Esquecendo um pouco dos requisitos de entrada, a Jordânia é um país que vale a pena visitar. Para início de conversa, você pode visitar a Petra, que é a atração turística mais popular no país. A localização é linda e você voltará para casa com fotos e lembranças fantásticas. Você simplesmente não pode viajar para a Jordânia sem visitar a Petra.

Além disso, apesar da Jordânia ser um país que não é banhado por oceanos, você ainda pode visitar o Mar Morto. Pode ser que você queira entrar na água e ver como é a sensação de flutuar sem correr o risco de se afogar. A alta concentração de sal na água mantém você boiando sem precisar fazer nenhum esforço. No entanto, lembre-se que você não pode ter nenhum arranhão em seu corpo se quiser entrar na água. Como já foi dito, a concentração de sal é muito alta e qualquer arranhão pode doer bastante caso entre em contato com a água.

O Sharhabil Bin Hassneh EcoPark é outro lugar que vale a pena visitar. O parque foi reaberto recentemente e agora é um refúgio para turistas e cidadãos locais. Você pode encontrar um lugar agradável à sombra para fazer um piquenique, fazer longas caminhadas aproveitando os belos cenários, passear pela represa e pelo lago Ziqlab e, se quiser, pode ficar em uma das cabanas com ar-condicionado.

Além disso, você também não pode visitar a Jordânia sem ir até o Ian. É um mercado de especiarias e vegetais no centro de Amã. Os donos do mercado são chamados de Attarenn. Attar significa produtor de perfumes. Essas pessoas são as melhores no seu ramo e podem explicar o uso de toda e qualquer erva ou tempero que vendem. Além de poder comprar alguns ingredientes, a experiência como um todo é muito interessante.

O idioma oficial na Jordânia é o árabe, mas se você falar inglês, não terá problemas para se comunicar. A maioria dos jordanianos falam inglês. É um idioma muito comum entre os jovens e aqueles que vivem em áreas urbanas ou locais turísticos populares. Francês e alemão são outros idiomas comuns, embora não tanto quanto o inglês.

A culinária da Jordânia é semelhante a outras do Oriente Médio. O prato ícone nacional é chamado mansaf e é feito com jameed, que é um iogurte seco ao sol. O melhor lugar para comer mansaf é o restaurante de Jerusalém em Amã. Quanto à segurança, a Jordânia é um dos países mais seguros no Oriente Médio, além de ser também muito liberal. Ninguém irá olhar para você de forma desagradável enquanto você estiver vestindo roupas ocidentais. Até mesmo as mulheres da Jordânia vestem roupas assim as vezes. Embora a maioria dos jordanianos sejam muçulmanos, eles aceitam bem as outras religiões. No entanto, como sinal de respeito, é recomendável que você vista roupas adequadas ao visitar locais religiosos. A taxa de crime é baixa e você não tem com o que se preocupar quando estiver visitando a Jordânia.

Quanto à saúde, não há muito para ser dito. Como em qualquer outro lugar do mundo, é preciso tomar cuidado com onde comprar sua comida. Os vendedores ambulantes podem, em algum momento, preparar a comida em locais que não estejam totalmente limpos, e é nesse tipo de coisa que você deve prestar atenção. No entanto, mesmo que fique doente enquanto estiver na Jordânia, os hospitais do país são bastante renomados. Na verdade, não é estranho que as pessoas vão para a Jordânia para se tratarem, pois o país possui alguns dos hospitais mais bem equipados da região.

Falando agora dos jordanianos, eles são incrivelmente hospitaleiros e gentis com estranhos. Eles irão intervir e ajudar em qualquer coisa que você precisar. Por isso, pedir carona na Jordânia é muito fácil. Os moradores estão dispostos a parar seu carro para dar carona para qualquer um, mesmo que seja para andar apenas 5 minutos. Portanto, você também deve mostrar respeito a eles. Por exemplo, embora não seja proibido comer em público durante o Ramadã, seria interessante evitar, mostrando respeito à cultura local. Além disso, evite dizer coisas ruins sobre a monarquia. Os jordanianos não vão gostar disso.

Resumindo, a Jordânia é um país encantador para se visitar. Você vai com certeza vai fazer uma viagem maravilhosa para lá. Existem muitas coisas para ver e fazer, as pessoas são amáveis e respeitosas e você com certeza terá uma experiência memorável.

Um e-Visa é um documento oficial que permite e entrada e a viagem dentro de certo país. O e-Visa é uma alternativa aos vistos emitidos nos portos de entrada ou as visitas a uma embaixada/consulado para obter um visto de papel tradicional. e-Visas são vinculados eletronicamente ao passaporte do viajante.
Nosso serviço começa com informação. Você pode usar nossa ferramenta de requerimento de visto atualizada para pesquisar se precisa de um visto. Simplesmente basta informar de onde você é e para onde está indo. Baseado nessa informação, nós diremos quanto custa o visto, o número de entradas que ele permite, a data de início e daremos um curso de ação, como solicitar direto no nosso site!
O melhor lugar de descobrir essa informação é na nossa ferramenta de requerimento de visto. Cada país possui regras de entrada e taxas de visto diferentes. Se está com pressa, também pode solicitar pela internet e o formulário fornecerá essa informação.
Isso depende do país que está emitindo o visto. Para muitos países, como a ETA australiana e o e-Visa turco, o processo pode ser feito em 15 min através do nosso serviço super expresso. Para outros países, como o visto de turista indiano, o processo normalmente leva 24 horas. O tempo exato pode ser visto no formulário de solicitação. O que nós garantimos é que sua aplicação com o iVisa será a mais rápida de todas possíveis.
O documento deve ser impresso em uma folha branca de papel A4. Impressões em dupla face ou reduzidas não serão aceitas.
Nós ajudamos a conseguir seu visto de viagem da maneira mais simples e rápida possível. Através do formulário pela internet fácil de usar e um serviço mundial de atendimento ao consumidor 24 horas, nós fazemos todo o processo do visto ser rápido e simples! Nós também usamos as melhores práticas na hora de proteger os seus dados e seu cartão de crédito.
O iVisa oferece dois tipos de visto: vistos eletrônicos (e-Visas) e vistos tradicionais de papel, dependendo do seu destino. Além disso, nós também oferecemos os seguintes serviços/documentos que são exigidos por certos países: ETA (autorização eletrônica de viagem), cartões turísticos, formulário de pré-registro/aprovação do Visto ao Chegar, cartas convite de turismo e serviço de registro de embaixadas.
  1. Selecione o país para o qual você está pedindo o visto
  2. Selecione o tipo de visto e leia as instruções com cuidado.
  3. Selecione solicitar agora
  4. Preencha o formulário de solicitação.
  5. Pague com um cartão Visa, Mastercard ou outro cartão de débito.
  6. Aguarde a aprovação por e-mail, baixe e imprima o e-Visa da pela sua conta.
  7. Apresente seu e-Visa impresso ao oficial de imigração no porto de entrada.
Note que a maioria dos países oferecem a possibilidade de processar um visto de viagem sem uma taxa de serviço. A razão principal pela qual nós processamos milhares de vistos de viagem por mês é que nós economizamos seu tempo e frustração. Nosso serviço inclui um site e formulário de solicitação fáceis de usar. É muito mais fácil processar sua aplicação conosco, especialmente para usuários de dispositivos móveis e grandes grupos. Nós enviamos o visto dias antes da viagem para todos nossos clientes. Isso ajuda especialmente aqueles passageiros que compram o visto com meses de antecedência. Nós também possuímos um serviço de atendimento ao consumidor 24 horas com profissionais residentes nos Estados Unidos e que falam inglês. Nós aceitamos várias moedas e nosso site pode ser traduzido em mais de 20 idiomas. Nós acreditamos que nossa taxa vale seu tempo e a sanidade, mas lembre-se que todos governos possuem seu próprio serviço “grátis”.
Se você já realizou a solicitação no nosso site, por favor entre na sua conta e procure seu pedido/solicitação. Uma conta é gerada automaticamente após o pagamento ser recebido. Clique no link no seu e-mail de confirmação para definir uma senha ou visite a página de acesso para configurar sua senha e entrar na sua conta. Perceba que na maioria dos casos seu visto será entregue por e-mail e pode ser encontrado na sua conta após entrar nela.
Esse é um caso raro. No entanto, caso sua solicitação seja rejeitada, nós faremos um reembolso integral da taxa de processamento e do governo sob nossa garantia de 100% de aprovação. Esse reembolso será dado através de crédito que poderá ser usado em um pedido futuro. Se precisar de mais ajuda, entre em contato conosco. Nosso especialistas em atendimento ao consumidor estarão felizes em ajudá-lo.
Se nós não processamos seu visto ainda, as alterações podem ser feitas sem problema. Nós também verificamos se existem erros nas suas informações. Se você já processou seu visto e nós enviamos sua solicitação para a agência apropriada do governo, vai depender se ela permitirá ou não a alteração. Por favor, entre em contato conosco imediatamente (de preferência através do chat) se perceber um erro na sua solicitação.
Alguns países podem exigir uma prova de vacinação contra febre amarela se estiver chegando de um país com risco dessa doença. Você pode ver mais informações aqui: https://wwwnc.cdc.gov/travel/destinations/list É de responsabilidade própria do passageiro verificar essas regulamentações antes de viajar para o país escolhido.
Para baixar sua fatura, entre na sua conta e baixe ela diretamente de lá.
Você pode imprimir novamente seu e-Visa na sua conta de e-mail. De maneira alternativa, é possível recuperar e reimprimir seu e-Visa na sua conta iVisa.
Sim. O sistema do iVisa não mantém a informação do seu cartão de crédito depois da transação ser processada.
Todos os vistos garantem permissão para o viajante chegar no porto de entrada do país. Se a sua entrada vai ser permitida ou não será a critério do oficial de imigração no ponto de entrada.

Nós sabemos que podem acontecer mudanças inesperadas nos planos de viagem dos nossos solicitantes que podem impedí-los de viajar e, portanto, conseguir seus vistos. É por isso que entendemos se você quiser pedir o cancelamento da sua solicitação de visto e reaver um reembolso do valor pago. No entanto, nós apenas aprovamos os reembolsos/créditos que seguem as nossas Diretrizes de política de reembolso:

  • Se sua solicitação não foi avaliada pelo nosso time nem enviada para a aprovação do governo, você receberá então um crédito no valor integral da taxa de processamento do iVisa e do governo(custo do visto).
  • Se sua solicitação foi avaliada pelo nosso time mas ainda não foi enviada para a aprovação do governo, você receberá um crédito no valor integral da taxa de processamento do governo (custo do visto).
  • Se sua solicitação já foi enviada para o governo para aprovação ou o visto já foi emitido, infelizmente, não temos como fornecer nenhum crédito.

Nosso política também se aplica à essas circunstâncias:

  • Se nós cometermos algum erro em sua solicitação, faremos um reembolso integral da sua taxa de processamento e nós faremos o processamento do seu visto novamente sem nenhum custo.
  • Se você pagou a taxa adicional para o processamento expresso ou super expresso e nós não entregarmos o documento de viagem dentro do prazo estipulado, você receberá de volta o valor pago pela taxa de processamento extra.
  • Se perder sua viagem porque o iVisa não entregou o documento de viagem dentro do prazo estipulado, você receberá um reembolso integral em dinheiro pela taxa de processamento do iVisa e do governo.
    • A exceção para a cláusula acima é caso o governo seja a causa do atraso ou se a sua data de chegada for antes do nosso tempo de processamento super expresso. Nestes casos, você receberá um crédito pela taxa de processamento do iVisa.

Se por qualquer motivo você não estiver satisfeito com nossos serviços, por favor sinta-se livre para entrar em contato conosco. Sob circunstâncias razoáveis, concederemos um crédito para a taxa de processamento do iVisa para ser usado em um pedido futuro.

Quando o visto precisa ser enviado para você, os tempos de processamento não incluem o tempo de envio. Ele é o tempo de quando recebemos a solicitação até conseguir a aprovação. A maioria dos vistos (e-Visas) não enviados por e-mail após aprovados, então não existe tempo de envio.
Não, nós não somos afiliados a nenhuma agência governamental. Nós somos uma empresa privada especializada em processar vistos de viagem para viajantes ao redor do mundo.
Infelizmente, nós não somos capazes, uma vez que as agências governamentais não nos informam o(s) motivo(s) por trás da decisão.
Se seu visto não for aprovado, nós recomendamos que você entre em contato com a embaixada/consulado mais próximo para mais informações sobre suas opções.
Nós aceitamos Visa, Mastercard, American Express e PayPal.
Todos os cidadãos desses territórios solicitando através do nosso site terão sua solicitação processada com a nacionalidade/cidadania especificada em seu passaporte. Por exemplo, um viajante de Porto Rico irá ter seu pedido processado com nacionalidade americana. Isso não se aplicada a viajantes sob a categoria BOTC (cidadão britânico em territórios ultramarinos) de acordo com o Ato de Territórios Ultramarinos Britânico de 2002.
Need Help?