Tire agora seu e-Visa para Kaliningrado!

 
   
 
 
 
     
 

Saiba mais: Kaliningrad eVisa

O Ministério de Assuntos Estrangeiros da Rússia iniciou recentemente o e-Visa para cidadãos de 53 países. Este e-Visa permite que os viajantes entrem no país para fins de turismo e negócio e fiquem em Kaliningrado por até 8 dias a partir da data de entrada. O processo de solicitação do e-Visa para Kaliningrado é muito simples e 100% online. Após a solicitação ser enviada e aceita, o solicitante irar receber um autorização de pouso que deve ser mostrada para os oficiais de imigração ao chegar. Sim, é simples assim.

O sistema do e-Visa é um método online de solicitação de vistos de qualquer lugar do mundo. Uma das vantagens deste sistema para o viajante é que o visto pode ser solicitado de maneira rápida pela internet a qualquer momento, de qualquer lugar. O pagamento é feito online no momento da solicitação.

Documentos necessários para o processo
  • Um passaporte atual válido

  • Suas datas de viagem

  • Uma foto digital tirada nos últimos 3 meses

  • Um cartão de crédito/débito ou conta do PayPal

Instruções importantes
  • O passaporte dos viajantes deve ser válido por pelo menos 6 meses a partir da data de chegada e possuir pelo menos uma página disponível para o carimbo.

  • Os solicitantes podem permanecer em Kaliningrado até 8 dias após a data de entrada.

  • O e-Visa para Kaliningrado é válido por apenas 30 dias após sua emissão.

  • Possuir um e-Visa para Kaliningrado não garante automaticamente o direito de entrada na região. Um oficial de imigração pode parar qualquer pessoa no porto de entrada, se tal pessoa for considerada incapaz de atender aos requisitos de imigração ou se sua presença em Kaliningrado for contrária aos interesses nacionais ou de segurança.

O e-Visa para Kaliningrado só está disponível para viajantes que vão entrar em Kaliningrado através de um dos seguintes pontos:

  • Aeroporto de Kaliningrad (Khrabrovo)

  • Estação ferroviária Mamonovo

  • Estação ferroviária Sovetsk

  • Rota terrestre de Bagrationovsk

  • Rota terrestre de Gusev

  • Rota terrestre de Mamonovo (Gzhekhotki)

  • Rota terrestre de Mamonovo (Gronovo)

  • Rota terrestre de Morskoye

  • Rota terrestre de Pogranichnyy

  • Rota terrestre de Sovetsk

  • Rota terrestre de Chernyshevskoye

  • Porto de Kaliningrad

  • Porto de Kaliningrad - Baltiysk

  • Porto de Kaliningrad - Svetly

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós

Perguntas Frequentes

O e-Visa para Kaliningrado é um documento oficial que permite que visitantes entrem e viagem pelo território russo de Kaliningrado para fins turísticos.
Os seguintes documentos são necessários para enviar sua solicitação:
  • Um passaporte válido
  • Uma foto tirada nos últimos 3 meses
  • Suas datas de viagem
  • Um cartão de crédito/débito ou conta do PayPal
O e-Visa para Kaliningrado é gratuito, mas existe uma taxa de serviço de 25 dólares para o processamento padrão. Para os processamentos expresso e super expresso a taxa de serviço é de 35 e 50dólares, respectivamente.
Isso depende do tempo de processamento que você escolher. Nós oferecemos três opções:
  • Processamento padrão: até 9 dias
  • Processamento expresso: até 7 dias
  • Processamento super expresso: até 5 dias
Este e-Visa é válido por 30 dias após a emissão e permite que o titular entre uma vez no local com uma estadia máxima de 8 dias após a entrada.
Seu documento de viagem deve ser válido por pelo menos 6 meses após o seu e-Visa vencer. Além disso, o seu passaporte deve possuir ao menos uma página em branco para o carimbo.
O e-Visa para Kaliningrado permite uma entrada de até 8 dias dentro do seu período de validade, que é de 30 dias.
O viajante deve solicitar este visto pelo menos 3 dias antes da viagem para Kaliningrado.
NÃO. Possuir um e-Visa para Kaliningrado não te dá o direito automático de entrar no país. Um oficial de imigração pode parar qualquer pessoa no porto de entrada, se tal pessoa for considerada incapaz de atender aos requisitos de imigração ou se sua presença em Kaliningrado for contrária à segurança ou interesses nacionais.
Ao chegar em Kaliningrado, você precisa apresentar seu passaporte juntamente com o e-Visa para o Kaliningrado, que deve estar impresso ou ser mostrado em um smartphone.
  • Andorra
  • Áustria
  • Bahrein
  • Bélgica
  • Bulgária
  • China (incluindo Taiwan)
  • Croácia
  • Chipre
  • República Checa
  • Dinamarca
  • Estônia
  • Finlândia
  • França
  • Alemanha
  • Grécia
  • Hungria
  • Islândia
  • Índia
  • Indonésia
  • Irã
  • Irlanda
  • Itália
  • Japão
  • Kuwait
  • Letônia
  • Liechtenstein
  • Lituânia
  • Luxemburgo
  • Malásia
  • Malta
  • México
  • Mônaco
  • Países Baixos
  • Macedônia do Norte
  • Noruega
  • Omã
  • Filipinas
  • Polônia
  • Portugal
  • Catar
  • Romênia
  • São Marino
  • Arábia Saudita
  • Sérvia
  • Singapura
  • Eslováquia
  • Eslovênia
  • Espanha
  • Suécia
  • Suíça
  • A República Democrática da Coreia do Norte
  • Turquia
  • Cidade do Vaticano

Se o viajante partir de um país com riscos de transmissão de febre amarela, será necessário apresentar um cartão de vacina contra a febre amarela.

Mais informações no link a seguir:

https://www.who.int/ith/ITH_Annex_I.pdf

O Kaliningrado é um exclave russo e lar de cerca de 450 mil pessoas. Ele surgiu no século 13 e, recentemente, tem se tornado mais desenvolvido devido ao contato com a União Europeia. A capital foi um dos grandes locais onde as pessoas encontraram acomodação durante a copa do mundo de 2018. Pode não ser um dos destinos mais visitados, mas possui um charme particular que atrai os turistas. A melhor época para visitar é no verão. A temperatura nos meses de junho a agosto é aconchegante, variando de 20 a 25 graus. No outono, ela pode cair a 10 graus, o que não é de todo ruim. No inverno, porém, os termômetros podem mostrar valores de até -11 graus. Pode ficar frio, mas não tão frio quanto a Rússia é conhecida por ser. Nós recomendamos que você leve botas à prova d'água pois o clima é imprevisível. O ar é úmido devido à proximidade com o Mar Báltico. Contanto que você permaneça seco, tolerar o frio é tranquilo. Quanto ao que você precisa para entrar em Kaliningrado, é provável que vá precisar de um visto. A Rússia não é conhecida por emitir vistos facilmente, mas as coisas estão para mudar nos próximos anos. Pelo menos foi o que nos disseram. Até lá, praticamente todos os turistas precisam obter um visto russo pois o Kaliningrado faz parte da Federação Russa. Lembre-se que, se desejar visitar outras partes da Rússia também, você precisará de um visto que permita pelo menos 2 entradas, pois precisará deixar o país e entrar novamente para isso. Se você pegar um voo doméstico de Moscou ou São Petesburgo, um visto com entrada única basta. Até janeiro de 2017, um visto especial para Kaliningrado estava disponível, mas ele não está mais em operação. Era um visto ao chegar de curto prazo. Mas, desde que ele saiu de operação, todos os visitantes precisam solicitar um visto russo. A maioria dos turistas chegam em Kaliningrado de avião. O Aeroporto de Kaliningrado Hrabrovo fica a apenas 16 km da capital. Você também tem a opção de ir de trem, mas precisa ser cuidadoso com a hora. Todos os trens usam o horário de Moscou, que é uma hora adiantado de Kaliningrado. Então, vamos dizer que você precisa pegar o trem das 17:30. Isso quer dizer que ele vai sair da estação as 16:30. Você também pode viajar de carro, mas precisa se lembrar que a infraestrutura não é das melhores. As rodovias nem sempre são bem cuidadas e parte delas não possui nenhuma sinalização. É fácil se perder se não tiver um GPS. Quanto ao que visitar em Kaliningrado, você deve tirar um tempo para aprender sobre sua história. Primeiramente, a Catedral de Kaliningrado é um dos marcos da cidade. Ela relaciona a região com seu passado Alemão. Os reis prussos costumavam ser coroados lá. O museu dentro da catedral tem duas salas dedicadas ao Immanuel Kant, o famoso filósofo alemão , que também está enterrado lá. Outra atração é a Casa dos Soviéticos. A população local a chama de 'O monstro'. Ela foi construída nas ruínas do Castelo de Konigsberg e nunca foi ocupada pois foi condenada por ser estruturalmente instável. O dono, que é desconhecido, não quer que seja demolida. Deixando de lado a história, você também deve visitar as vilas pesqueiras. Elas são conhecidas pelas suas casas de telhados vermelhos e seus exteriores coloridos. Elas representam o charme da velha Konigsberg, nome pelo qual Kaliningrado era conhecido no passado. Sem contar que é uma oportunidade para experimentar alguns peixes muito saborosos. E frescos. Quanto à diversão, a cidade tem muito a oferecer. Você pode experimentar uma das muitas salas do pânico, onde você precisa encontrar dicas, resolver quebra-cabeças e recuperar chaves para conseguir sair da sala. Você provavelmente já experimentou uma antes. Se você está querendo fazer algo na natureza, você pode fazer uma trilha nas florestas. Você pode cruzar alguns lugares intocados, onde a fauna e flora são maravilhosas. Ou, pode ir pescar no Mar Báltico. Você pode fazer isso independente da estação que escolher visitar o Kaliningrado. Quanto à acomodação, não tem com o que se preocupar. Você pode encontrar vários hotéis 3 e 4 estrelas, mas existem pensões também, caso esteja com pouco dinheiro. Existem muitos hotéis na região com quartos decentes por um preço camarada. A culinária local pode ser algo meio fora do comum, mas você consegue encontrar vários lugares que servem comida ocidental. No entanto, recomendamos provar os pratos locais. Afinal, quando você explora uma nova cultura, a culinária é uma parte importante dela. A segurança não é problema em Kaliningrado. Não existem relatórios significativos. No entanto, pequenos ladrões, como em qualquer outro lugar do mundo, podem tentar te importunar. Nós aconselhamos que você não deixe muitas joias a mostra e mantenha seu dinheiro a salvo. Tome cuidado com seus dispositivos eletrônicos também. As pessoas no Kaliningrado geralmente são acolhedoras. Elas estão acostumadas com turistas, especialmente depois da Copa do mundo de 2018. Elas vão tentar te receber o melhor que puderem. Você pode ter alguns problemas de comunicação, afinal o idioma oficial é o russo. A geração mais nova pode entender um pouco de inglês, mas sugerimos que você aprenda um pouco de russo, principalmente se desejar viajar para locais mais remotos no exclave. Frases básicas vão ajudar a se virar por lá. O russo não é um idioma fácil de se aprender e por isso você deve ter sempre um smartphone com internet em mãos. Dessa forma, você tem um dispositivo tradutor, caso precise. Resumindo, Kaliningrado pode não ser um lugar comum para se passar as férias, mas vale a pena conhecer. Existem várias coisas interessantes para serem vistas e atividades para serem feitas. Então, tire seu visto, entre em um avião e veja o que esse exclave tem para oferecer. Você com certeza vai passar momentos agradáveis lá.