Tire agora seu e-Visa quirguiz de trânsito pela internet

 
   
 
 
 
     
 

Saiba mais: Trânsito do Visto Eletrônico

Em setembro de 2017, o Quirguistão iniciou o uso de vistos eletrônicos para cidadãos de mais de 50 países. O governo do Quirguistão oferece e-Visas de trânsito para visitantes que estão fazendo escala no país e querem sair do aeroporto para conhecer a região por um período de tempo inferior a cinco dias. Esse tipo de visto não é necessário se você não for sair da área de trânsito internacional do aeroporto.

O primeiro passo para tirar um e-Visa é preencher uma solicitação pela internet. Depois que enviar eletronicamente a sua solicitação, você receberá a confirmação do visto por e-mail. Por favor, responda todas as questões na solicitação com precisão e sem pular nada.

Documentos necessários para o processo
  • Um passaporte atual válido

  • Um cartão de crédito/débito ou uma conta do Paypal

  • Um visto ou documento que comprove que o Quirguistão não é o seu destino final.

Instruções importantes
  • O visto quirguiz de trânsito é um visto que permite entrar no país uma única vez por até 5 dias.

  • Para solicitar o seu visto quirguiz de trânsito você precisa apresentar o seu visto para seu destino final, que não pode ser o Quirguistão. Você também precisa apresentar estes documentos ao chegar.

  • Cidadãos estrangeiros que receberam o e-Visa de trânsito no sistema de vistos eletrônicos devem entrar e sair do Quirguistão através dos pontos de verificação localizados no Aeroporto Internacional de Manas, em Bishkek, ou no Aeroporto internacional de Osh, em Osh, ou através do ponto de travessia “Ak-Jol” na fronteira com a República do Cazaquistão.

  • Não é necessário comprar uma passagem aérea antes de se obter a confirmação de que seu e-Visa de trânsito foi aprovado.

  • Seu documento de viagem deve ser válido por pelo menos 6 meses depois que o seu e-Visa vencer. Além disso, seu passaporte deve possuir pelo menos uma página em branco para o seu e-Visa ser colocado.

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós

Perguntas Frequentes

O e-Visa quirguiz de trânsito é o documento de viagem oficial necessário para que os estrangeiros façam escala no Quirguistão.
Nós necessitamos dos seguintes itens para enviar a sua solicitação:
  • Um passaporte atual válido
  • Um cartão de crédito/débito ou uma conta do Paypal
  • Um visto ou documento que comprove que o Quirguistão não é o seu destino final.
O e-Visa quirguiz de trânsito custa 26 dólares. Além disso, existe uma taxa de serviço de 20 dólares para o processamento padrão. Para os processamentos expresso e super expresso, a taxa de serviço é de 45 e 65 dólares, respectivamente.
Isso depende do método de processamento que você escolher. Nós oferecemos três opções:
  • Processamento padrão: 3 dias úteis.
  • Processamento expresso: 24 horas.
  • Processamento super expresso: 18 horas.
Ele é válido por 5 dias após a chegada.
O seu documento de viagem deve ser válido por pelo menos 6 meses depois que o seu e-Visa vencer. Além disso, seu passaporte deve possuir pelo menos uma página em branco para o seu e-Visa ser colocado.
Não, nós não podemos alterar ou modificar nenhum detalhe no e-Visa depois dele ser emitido. No entanto, se você perceber que cometeu um erro antes do visto ser emitido, entre em contato conosco o mais rápido possível através do chat online ou enviando um e-mail para help@ivisa.com.
Titulares de passaportes emitidos pelas 61 nações seguintes não necessitam obter um visto para o Quirguistão caso a estadia seja inferior ao período mencionado abaixo:
  • Indefinido: Arménia, Azerbaijão, Bielorrússia, Cuba, Geórgia, Japão, Cazaquistão, Moldávia, Coreia do Norte, Rússia, Tajiquistão, Vietnã.
  • 90 dias: Mongólia e Ucrânia.
  • 60 dias: Austrália, Bahrein, Bósnia e Herzegovina, Brunei, Canadá, Kuwait, Mônaco, Nova Zelândia, Catar, Arábia Saudita, Cingapura, Coréia do Sul, Emirados Árabes Unidos, Estados Unidos, Uzbequistão, Cidade do Vaticano. Além disso, cidadãos da União Europeia / EFTA, menos a Bulgária, Romênia e Chipre, estão isentos de possuir um visto.
  • 30 dias: Malásia e Turquia.

Se o viajante partir de um país com riscos de transmissão de febre amarela, será necessário apresentar um cartão de vacina contra a febre amarela.

Para mais informações, clique no link a seguir:

https://www.who.int/ith/ITH_Annex_I.pdf

A Ásia Central tornou-se um destino de viagem bastante comum para pessoas de todo o mundo. O Quirguistão é um dos países da região, e se você estiver procurando um bom lugar para praticar montanhismo, vai querer conhecê-lo. Porque? Porque o cenário é hipnotizante e as trilhas são inesquecíveis. Os lagos proporcionam um excelente lugar para acampar e a hospitalidade do povo irá encantá-lo. Mas antes de pegar um avião para o Quirguistão, é melhor aprender um pouco sobre a cultura local. Para isso, será necessário pesquisar um pouco. Abaixo você encontrará algumas dicas que lhe darão uma melhor compreensão do povo Quirguiz e suas tradições. A primeira coisa a ter em mente é que o país é um refúgio de muitas culturas. A descendência mongol e turca torna o povo Quirguiz bastante diferente, dependendo da região. Essa cultura, obviamente deve ser respeitada. Mas é o tipo de coisa que você aprende rápido. O respeito é uma das coisas mais importantes na cultura Quirguiz. O povo de lá mostra seu respeito e apreciação para com os idosos e você perceberá isso por onde passar. As pessoas idosas são chamadas de aksakals, o que pode ser traduzido como “barbas brancas”. Pessoas sempre ajudarão idosos e oferecerão seus assentos para eles. É preciso falar com deferência ao se referir a um membro sênior da comunidade. O tratamento para uma mulher idosa é “eje”, que significa “irmã mais velha” os homens são tratados por “baikay” ou “aga”. Mesmo familiares devem se referir assim aos mais velhos. Para perceber como o respeito aos mais velhos é importante, basta olhar para uma mesa de jantar e ver quem está sentado na cabeceira. Simples assim. As pessoas são muito hospitaleiras no Quirguistão. Se você for um hóspede em uma casa Quirguiz, será tratado com todo o respeito. O anfitrião oferecerá a melhor peça de carne, o melhor arroz e fará tudo que puder para entretê-lo. Você receberá a melhor parte de uma ovelha, mas tenha em mente que é preciso devolver um pouco para as mulheres e crianças da mesa. Isso mostra o seu agradecimento e respeito. Um outro hábito interessante é que quando uma família move sua barraca, os vizinhos novos e antigos darão uma festa de boas-vindas e de despedida ao mesmo tempo. Se você passar tempo suficiente com essas pessoas, perceberá como elas são cerimoniais. É uma experiência fascinante e você pode aprender muito apenas em alguns dias. As saudações no Quirguistão não são nada fora do comum, mas também possuem algumas regras. Os homens costumam usar apertos de mão, mas os costumes podem variar dependendo da região. As mulheres geralmente não usam o contato físico como uma forma de saudação, mas sim um aceno de cabeça. No entanto, há uma regra sobre o contato físico entre as pessoas do sexo oposto. Uma mulher normalmente não estende braço para apertar a mão de um homem, mas, se ela o fizer, você deve retribuir. No entanto, se você for mulher, é melhor esperar o homem iniciar um aperto de mão. Uma das coisas que você vai adorar no Quirguistão é a forma como as pessoas interagem uns com os outros, mesmo estranhos. Por exemplo, olhar para alguém no mercado ou em um ônibus é motivo para uma interação social. A pessoa para quem você estiver olhando provavelmente iniciará uma conversa. Talvez você até seja convidado a conhecer a casa dela. Esta é uma prática comum no Quirguistão e faz com que todos os turistas se sintam inábeis. Isso nunca acontece na civilização ocidental, já que as pessoas geralmente se ignoram. No Quirguistão, as pessoas também ignoram os outros, mas tendem a convidar estranhos para sua casa. Um aspecto surpreendente no Quirguistão é que você não verá as pessoas sorrirem com muita frequência. Você provavelmente tem centenas de fotos em que todos estão rindo ou pelo menos sorrindo. Isso não acontece no Quirguistão, nem mesmo nas fotos. As pessoas lá são raramente vistas sorrindo e não o fazem quando conversam uns com os outros. É bem raro isso acontecer. Se você for ao Quirguistão e sorrir o tempo todo as pessoas acharão que você é meio estranho. Talvez seja bom se abster de sorrir de vez em quando. Nada demais, é claro. Por fim, as pessoas no Quirguistão não têm qualquer sentido de espaço pessoal. Se alguém esbarra em você na rua, ele ou ela sequer olha para trás. As pessoas costumam ficar ombro a ombro quando estão em uma fila e contato físico desta natureza é visto em toda parte. Nos ônibus, você se sentirá em uma lata de sardinhas. As pessoas estão sempre se tocando por causa da superlotação. O Quirguistão não se importa com esta prática, mas talvez você se importe. Porém, se você se afastar para evitar contato, a pessoa provavelmente usará o espaço e acabará se aproximando de qualquer maneira. Seu desejo de reservar espaço soará como um convite. É um fenômeno estranho, mas você terá que lidar com isso. No fim das contas, o Quirguistão é um belo país onde você será bem recebido pelo povo. Os turistas são frequentemente recebidos e bem tratados. O povo do Quirguistão é conhecido por sua hospitalidade. Não evite ir até a casa de alguém, mesmo que se trate de uma tenda, pois você pode acabar se divertindo bastante e será tratado com muito respeito, desde que trate seu anfitrião com o mesmo respeito.