Aprenda mais sobre o visto para o Malawi (e-Visa)

 
   
 
 
 
     
 

Saiba mais: eVisa

Em novembro de 2019, o Departamento de Imigração e Cidadania do Malawi introduziu vistos eletrônicos para cidadãos de mais de 200 países. Este eVisa permite que os viajantes entrem no Malawi para diferentes fins e que eles permaneçam no país por um período de 30 dias por entrada.

Para obter um eVisa, os viajantes fazem a solicitação e pagam uma taxa online. Depois eles recebem seu visto eletrônico por e-mail antes de viajarem para o Malawi. Sim, é simples assim.

O eVisa é um documento oficial que permite entrar e viajar pelo Malawi. Os solicitantes receberão seus vistos por e-mail após preencherem o formulário de solicitação com as informações necessárias e seu pagamento com cartão de crédito online for concluído/verificado.

Documentos necessários para o processo

  • Foto do aplicante

  • Digitalização das informações pessoais do passaporte

  • Certidão de Nascimento de Menores (se aplicável)

  • Guardião Jurídico 1 digitalização de Página de Passaporte (se aplicável)

  • Carta de Consentimento de Menor (se aplicável)

  • Carta de apresentação (se aplicável)

  • Prova de acomodação (se aplicável)

  • Registro de negócios da empresa que está convidando (se aplicável)

  • Digitalização da página de dados pessoais do anfitrião (se aplicável)

  • Carta do hospital (se aplicável)

  • Carta convite (se aplicável)

OBSERVAÇÃO: O governo do Malawi considera menor de idade qualquer pessoa com menos de 21 anos.

Instruções importantes
  • O eVisa malawiano tem validade de 90 dias após a emissão e a duração máxima da estadia é de 30 dias por entrada.

  • O passaporte do solicitante deve ser válido por pelo menos 6 meses a partir da data prevista de chegada ao Malawi.

  • Uma comprovação das acomodações é necessária para se obter o documento de viagem. As datas neste documento DEVEM seri iguais às datas de viagem selecionadas na solicitação. Este é um requisito pedido pelo governo para emitir um documento de viagem.

  • É altamente recomendado que mantenha seu eVisa consigo, de forma digital (smartphone, tablet, etc.) ou de forma física, para o caso de qualquer falha no sistema.

  • Possuir um eVisa malawiano não concede automaticamente o direito de entrar no país. O departamento de Imigração e Serviços de Cidadania se reserva ao direito de cancelar a aprovação deste visto a qualquer momento.

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós

Perguntas Frequentes

O eVisa malawiano é um documento oficial que permite entrar e viajar pelo Malawi e está vinculado eletronicamente ao seu passaporte.

Nós necessitamos dos seguintes itens para enviar sua solicitação:

  • Foto do aplicante

  • Digitalização das informações pessoais do passaporte

  • Certidão de Nascimento de Menores (se aplicável)

  • Guardião Jurídico 1 digitalização de Página de Passaporte (se aplicável)

  • Carta de Consentimento de Menor (se aplicável)

  • Carta de apresentação (se aplicável)

  • Prova de acomodação (se aplicável)

  • Registro de negócios da empresa que está convidando (se aplicável)

  • Digitalização da página de dados pessoais do anfitrião (se aplicável)

  • Carta do hospital (se aplicável)

  • Carta convite (se aplicável)

OBSERVAÇÃO: O governo do Malawi considera menor de idade qualquer pessoa com menos de 21 anos.

O e-Visa malawiano custa EUR 48.97. Além disso, o iVisa cobra uma taxa de serviço de:

  • Processamento padrão: EUR 23.54

  • Processamento expresso: EUR 47.08

  • Processamento super expresso: EUR 70.62

Depende do tempo de processamento que você escolher. Nós oferecemos três opções:

  • Processamento padrão: 8 dias

  • Processamento expresso: 7 dias

  • Processamento super expresso: 5 dias

O e-Visa malawiano é um visto de entrada única válido por 90 dias após a emissão. Sua data de validade virá especificada no próprio e-Visa quando emitido. Embora sua entrada no Malawi possa ocorrer a qualquer momento dos 90 dias de validade, sua estadia total não pode exceder 30 dias por entrada.
O passaporte do solicitante deve ser válido por pelo menos 6 meses a partir da data prevista de chegada ao Malawi.
As seguintes nacionalidades são elegíveis para solicitar um eVisa malawiano:
  • (A) República Centro-Africana
  • (A) República Democrática Popular do Laos
  • (A) República Dominicana
  • (A) Santa Sé
  • (Antiga República Iugoslava da) Macedônia
  • (As) Comores
  • (As) Filipinas
  • (As) Ilhas Cayman
  • (As) Ilhas Coco
  • (As) Ilhas Cocos
  • (As) Ilhas Faroé
  • (As) Ilhas Marianas do Norte
  • (As) Ilhas Marshall
  • (Estados Federados da) Micronésia
  • (O) Congo
  • (O) Território Britânico do Oceano Índico
  • (Os) Países Baixos
  • (Os) Territórios Franceses do Sul
  • (Republic Islâmica do Irã) Irã
  • (República Bolivariana da) Venezuela
  • (República da) Moldávia
  • (República Democrática do) Congo
  • Albânia
  • Alemanha
  • Andorra
  • Angola
  • Anguilla
  • Antártida
  • Arábia Saudita
  • Argélia
  • Argentina
  • Armênia
  • Austrália
  • Áustria
  • Azerbaijão
  • Bahrein
  • Bangladesh
  • Bélgica
  • Benim
  • Bermuda
  • Bielorrússia
  • Bolívia
  • Bonaire, Santo Eustáquio e Saba
  • Bósnia e Herzegovina
  • Brasil
  • Brunei
  • Bulgária
  • Burkina Faso
  • Burundi
  • Butão
  • Cabo verde
  • Camarões
  • Camboja
  • Canadá
  • Catar
  • Chade
  • Chile
  • China
  • Chipre
  • Colômbia
  • Coreia do Norte
  • Coreia do Sul
  • Costa do Marfim
  • Costa Rica
  • Croácia
  • Cuba
  • Curaçao
  • Dinamarca
  • Djibouti
  • Egito
  • El Salvador
  • Emirados Árabes Unidos
  • Equador
  • Eritreia
  • Eslováquia
  • Eslovênia
  • Espanha
  • Estado da, Palestina
  • Estados Unidos da América
  • Estônia
  • Etiópia
  • Federação Russa
  • Finlândia
  • França
  • Gabão
  • Gana
  • Geórgia
  • Gibraltar
  • Grécia
  • Groenlândia
  • Guadalupe
  • Guam
  • Guatemala
  • Guernsey
  • Guiana
  • Guiana Francesa
  • Guiné
  • Guiné Equatorial
  • Guiné-Bissau
  • Haiti
  • Honduras
  • Hungria
  • Ilha Bouvet
  • Ilha da Reunião
  • Ilha de Man
  • Ilha do Natal
  • Ilha Heard e Ilhas McDonald
  • Ilha Norfolk
  • Ilhas Aland
  • Ilhas Geórgia do Sul e Sandwich do Sul
  • Ilhas Malvinas
  • Ilhas Menores Distantes dos Estados Unidos
  • Ilhas Salomão
  • Ilhas Turcas e Caicos
  • Ilhas Virgens (Britânica)
  • Ilhas Virgens (EUA)
  • Índia
  • Indonésia
  • Iraque
  • Irlanda
  • Islândia
  • Itália
  • Japão
  • Jersey
  • Jordão
  • Kazaquistão
  • Kuwait
  • Lêmen
  • Letônia
  • Líbano
  • Libéria
  • Líbia
  • Liechtenstein
  • Lituânia
  • Luxemburgo
  • Macao
  • Madagascar
  • Maldivas
  • Mali
  • Malta
  • Marrocos
  • Martinica
  • Mauritânia
  • Mayotte
  • México
  • Mônaco
  • Mongólia
  • Montenegro
  • Montserrat
  • Myanmar
  • Nepal
  • Nicarágua
  • Níger
  • Nigéria
  • Niue
  • Noruega
  • Nova Caledônia
  • Nova Zelândia
  • Omã
  • Palau
  • Panamá
  • Papua Nova Guiné
  • Paquistão
  • Paraguai
  • Peru
  • Pitcairn
  • Polinésia Francesa
  • Polônia
  • Porto Rico
  • Portugal
  • Quirguistão
  • Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte
  • República Árabe da Síria
  • Romênia
  • Ruanda
  • Saara Ocidental
  • Saint Pierre and Miquelon
  • Samoa Americana
  • San Marino
  • Santa Helena, Ascensão e Tristão da Cunha
  • São Bartolomeu
  • São Martinho (parte francesa)
  • São Martinho (parte holandesa)
  • São Tomé e Príncipe
  • Senegal
  • Serra Leoa
  • Sérvia
  • Singapura
  • Somália
  • Sri Lanka
  • Sudão
  • Sudão do Sul
  • Suécia
  • Suíça
  • Suriname
  • Svalbard e Jan Mayen
  • Tailândia
  • Taiwan (província da China)
  • Tajiquistão
  • Tchéquia
  • Timor-Leste
  • Togo
  • Tokelau
  • Tonga
  • Tunísia
  • Turcomenistão
  • Turquia
  • Ucrânia
  • Uruguai
  • Uzbequistão
  • Vanuatu
  • Vietnã
  • Wallis e Futuna
O viajante deve solicitar este visto com pelo menos 5 dias de antecedência à sua viagem para o Malawi.
NÃO. Possuir um eVisa malawiano não te dá o direito automático de entrar no país. O Departamento de Imigração e Serviços de Cidadania pode negar a entrada para qualquer pessoa se a considerar incapaz de atender aos requisitos de imigração, ou se a presença da pessoa no Malawi for contrária à segurança ou interesses nacionais.

É recomendado tomar a Vacina contra Febre Amarela caso esteja viajando de um país onde existe risco de transmissão da doença.

Para mais informações, clique no link a seguir:

https://www.who.int/ith/ITH_Annex_I.pdf

O Malawi é frequentemente descrito como o Coração Quente da África, e com razão. É um país incrivelmente diversificado, com pessoas descendentes de muitas tribos, mas extremamente acolhedoras e amigáveis. O país antigamente era uma colônia britânica chamada Nyasaland. É um país sem litoral na África Meridional, rodeado pela Zâmbia a noroeste, Tanzânia a nordeste e Moçambique a leste, sul e oeste.

A principal característica geográfica do país é o Lago Malawi, que é o terceiro maior do continente africano e ocupa cerca de um terço do território nacional. O Malawi é um país majoritariamente rural, com quase 18 milhões de habitantes no total, mas menos de um milhão em cada uma das suas principais cidades. Sua capital, Lilongwe, também é a maior cidade do país. Sua antiga capital, Zomba, é a quarta maior cidade. Apesar de ser menos conhecido do que seus vizinhos na África Meridional, este belo país tem muito a oferecer, desde a fauna diversificada até a sua cultura única, várias oportunidades de aventura e paisagens deslumbrantes.

No Malawi, a cultura é muito rica devido à mistura de várias tribos antigas, além de europeus e asiáticos. Cada uma delas contribuiu para transformar o Malawi no que é atualmente, seja quanto às roupas, danças ou idioma. Embora o país seja relativamente pequeno, a paisagem do Malawi é incrivelmente variada. É o lar do pico mais alto da África central, um enorme planalto com vista para as planícies abaixo, uma infinidade de florestas, reservas nacionais e parques de caça e o que pode ser considerado como um gigantesco mar interior, o Lago Malawi. Ele é diferente de qualquer outro lago.

Às vezes chamado de O Lago das Estrelas, pois o primeiro europeu a visitar o local o batizou como tal, esse corpo de água doce cristalina, circundado por praias de areia dourada, não é apenas um lugar bonito para se tirar fotos, mas também um tesouro de atividades ao ar livre e local de descanso para muitos animais selvagens do país. De norte a sul, o lago tem tantas milhas quanto há dias no ano, ou seja, 365 milhas de comprimento, ou 587 quilômetros. Devido a esta curiosidade, às vezes também é chamado de Lago Calendário.

Seu comprimento é aproximadamente sete vezes maior do que sua largura, pois seu ponto mais largo possui apenas 84 quilômetros. Ele é chamado de mar interior e com razão, pois seu ponto mais profundo chega a uma profundidade de até 700 metros em sua extremidade norte. Sendo uma peça tão importante da paisagem nacional, faz sentido que ele também desempenhe um papel importante na economia do Malawi. O lago fornece um rico suprimento de peixes, então existem aldeias de pescadores espalhadas por toda a costa. Os visitantes podem apreciar facilmente a indústria e as práticas tradicionais. Embora existam muitas aldeias ao redor do lago, para aqueles que desejam caminhar um pouco, existem muitos trechos longos de costa a serem explorados. Grande parte do lago é de fácil acesso, especialmente em torno dessas aldeias, mas há outras áreas em que é necessário sair um pouco da estrada principal. Essas partes do lago são geralmente as mais bonitas, pois possuem areia dourada linda e intocada e água cristalina e brilhante.

Existem nove Parques Nacionais e Reservas de Vida Selvagem no Malawi, onde a flora e a fauna diversificada do país estão protegidas e prontas para os visitantes entrarem e desfrutarem. Embora haja menos mamíferos grandes do que em alguns de seus vizinhos mais famosos com safári, a oportunidade de vê-los de perto em um ambiente intocado e com poucos outros turistas para atrapalharem é insuperável.

Há também um grande esforço do governo para melhorar a vida selvagem nos principais parques, o que significa que as espécies que eram difíceis de serem vistas nos parques foram agora reintroduzidas e protegidas, e assim começaram a prosperar novamente. Atualmente, existem dois parques no Malawi que possuem todos os Grande Cinco. Graças aos seus rios e lagos, o Malawi oferece não apenas o safari tradicional de jipe, mas também o safari a pé, que está cada vez mais popular, e até o safari exclusivo de barco.

O Malawi também está subindo no ranking como um destino popular de observadores de aves. Com sua geografia variada, incluindo terras altas, pântanos, etc., há oportunidades para ver muitas espécies diferentes de aves que não podem ser encontradas fora de ecossistemas específicos.