Portugal: Informações sobre o visto

 
   
 
 
 
     
 

Saiba mais: Passenger Locator Card

PORTUGAL ESTÁ ABERTO: Portugal reabriu para o turismo em junho de 2021 e a boa notícia é que, desde 3 de maio de 2022, o Cartão Localizador de Passageiros de Portugal não é mais necessário para entrar no país.
Documentos necessários para o processo
Instruções importantes

Esta página foi útil?

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós

Perguntas Frequentes

Não. A partir de hoje, os certificados COVID não são obrigatórios para entrar em Portugal. Agora, se você é titular do Certificado COVID Digital da UE ou se possui um certificado de vacinação aceito emitido por países terceiros em condições recíprocas, não precisará apresentar um teste PCR negativo nem seguir uma quarentena.
  • As vacinas aprovadas são Janssen, AstraZeneca, Moderna, Pfizer, Novavax, Sinopharm, Sinovac, Covaxin.
  • Você é considerado vacinado se todas as doses de uma vacina contra SARS-Cov-2 tiverem sido administradas por pelo menos duas semanas antes de viajar.
  • Os certificados de vacinação são atualmente válidos por 270 dias após o recebimento da dose final. Uma dose de reforço cancela esta data de validade.
  • Certificados Digitais COVID da UE e certificados de vacinas de países da UE, Albânia, Andorra, Armênia, Benin, Cabo Verde, Colômbia, El Salvador, Ilhas Faroé, Geórgia, Israel, Islândia, Jordânia, Líbano, Liechtenstein, Malásia, Moldávia, Mônaco, Montenegro , Marrocos, Nova Zelândia, Macedônia do Norte, Noruega, Panamá, San Marino, Sérvia, Cingapura, Suíça, Taiwan, Tailândia, Tunísia, Togo, Turquia, Ucrânia, Emirados Árabes Unidos, Reino Unido, Uruguai, Vaticano são aceitos, bem como certificados de recuperação.
  • Certificados de vacinação aceitos emitidos por países terceiros em condições recíprocas são Albânia, Andorra, Armênia, Benin, Cabo Verde, Colômbia, El Salvador, Ilhas Faroé, Geórgia, Israel, Islândia, Jordânia, Líbano, Liechtenstein, Malásia, Moldávia, Mônaco, Montenegro , Marrocos, Nova Zelândia, Macedônia do Norte, Noruega, Panamá, San Marino, Sérvia, Cingapura, Suíça, Taiwan, Tailândia, Tunísia, Togo, Turquia, Ucrânia, Emirados Árabes Unidos, Reino Unido e as dependências da Coroa (Jersey, Guernsey e Ilha de Man), Uruguai, Vaticano.
  • Teste COVID antes da chegada: PCR/NAAT dentro de 72 horas ou teste rápido de antígeno dentro de 24 horas
  • Isenções do teste COVID: Crianças menores de 12 anos, portadores do Certificado COVID Digital da UE e viajantes com um certificado de vacinação aceito emitido por países terceiros em condições recíprocas estão isentos dos requisitos de teste.
    • Certificados Digitais COVID da UE e certificados de vacina da Albânia, Andorra, Armênia, Benin, Cabo Verde, Colômbia, El Salvador, Ilhas Faroé, Geórgia, Israel, Islândia, Jordânia, Líbano, Liechtenstein, Malásia, Moldávia, Mônaco, Montenegro, Marrocos, Nova Zelândia, Macedônia do Norte, Noruega, Panamá, San Marino, Sérvia, Cingapura, Suíça, Taiwan, Tailândia, Tunísia, Togo, Turquia, Ucrânia, Emirados Árabes Unidos, Reino Unido, Uruguai, Vaticano são aceitos, bem como certificados de recuperação.
    • Certificados de vacinação aceitos emitidos por países terceiros em condições recíprocas são Albânia, Andorra, Armênia, Benin, Cabo Verde, Colômbia, El Salvador, Ilhas Faroé, Geórgia, Israel, Islândia, Jordânia, Líbano, Liechtenstein, Malásia, Moldávia, Mônaco, Montenegro , Marrocos, Nova Zelândia, Macedônia do Norte, Noruega, Panamá, San Marino, Sérvia, Cingapura, Suíça, Taiwan, Tailândia, Tunísia, Togo, Turquia, Ucrânia, Emirados Árabes Unidos, Reino Unido e as dependências da Coroa (Jersey, Guernsey e Ilha de Man), Uruguai, Vaticano.