Informações sobre o visto para a Sérvia

Home > Serbia > Serbia Single entry Visa
 
   
 
 
 
     
 

Saiba mais: Visto de Acesso Simples

Em breve, mais informações!
Documentos necessários para o processo
Instruções importantes

Oficialmente denominado “República da Sérvia”, o pequeno país do sudeste europeu não possui saída para o mar e foi território constituinte da antiga Jugoslávia, juntamente com Montenegro. A ex-república permaneceu como “Sérvia e Montenegro” até 2006, quando se tornou um estado independente.

A nação é membro da ONU e solicitou a sua adesão à União Europeia no final de 2009. O processo segue em análise pela Comissão Europeia, em razão do cumprimento dos Critérios de Copenhaga. Ainda assim, o cidadão brasileiro conta com a facilidade de não precisar de um visto para a Sérvia, em viagens a lazer ou a negócios, por um período de até 90 dias.

De rica e turbulenta história, marcada por muitos conflitos, a Sérvia é um destino que não parou no tempo, apesar de abrigar inúmeras construções medievais, igrejas barrocas, calçadas de pedra e registos da era comunista. A vida noturna é agitada, as famosas kafanas (cafeterias típicas) são de paragem obrigatória, além de o país possuir um dos mais baixos custos da Europa.

Porém, antes de se aventurar por esse destino exótico e inusitado, confira os requisitos de entrada necessários, logo abaixo.

O que eu preciso para viajar para a Sérvia?

1) Passaporte

Você deve viajar para a Sérvia na posse do seu passaporte original e válido durante todo o tempo de estadia no país. Além disso, uma página em branco é necessária para o carimbo e demais registos de entrada.

2) Bilhetes aéreos

Você deve confirmar o seu itinerário, através da apresentação das passagens aéreas de chegada à Sérvia e regresso ao Brasil, com as respetivas datas.

3) Alojamento

Você deve confirmar que possui alojamento garantido na Sérvia, apresentando um voucher de reserva de hotel ou carta convite de residente legal no país, às autoridades de imigração.

Observação: caso o turista fique hospedado em residência privada, deverá realizar o seu registo em uma delegação da Polícia, em até 24 horas após a chegada no país. Caso contrário, está sujeito à detenção e multas pesadas, que variam entre 10 mil e 50 mil dinares (cerca de 100 a 500 euros).

Vacinas

Não é obrigatória a imunização contra nenhuma doença específica para ingressar na Sérvia. Entretanto, se o seu roteiro inclui outros destinos na Europa, pode ser exigida a vacina contra a febre amarela, bem como a apresentação do Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP), emitido pela Anvisa.

Seguro de saúde

Ainda que não seja obrigatória a contratação de uma apólice de seguro de viagem e existam boas clínicas que atendem estrangeiros na Sérvia, a preços acessíveis, é recomendado que o cidadão brasileiro viaje com uma cobertura adequada, para casos de ocorrências mais sérias.

Além disso, outros países europeus exigem do turista brasileiro a contratação de um seguro com cobertura mínima de 30 mil euros para arcar com eventuais despesas médicas internações hospitalares e até a repatriação sanitária. Caso o seu roteiro inclua outros destinos, é importante averiguar tal obrigatoriedade.

Assistência consular

No caso de qualquer necessidade de assistência consular, o cidadão brasileiro deve ter em mãos os dados de contacto da embaixada do Brasil em Belgrado, a capital da Sérvia.

Esta página foi útil?

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós