Informações sobre o visto na entrada para a Somália

 
   
 
 
 
     
 

Saiba mais: Visto Temporário

Em breve, mais informações!
Documentos necessários para o processo
Instruções importantes

Oficialmente denominado “República Federal da Somália”, o país está localizado na costa oriental do continente africano e é banhado pelo Oceano Índico.

Ainda que considerada um destino de risco e fora das rotas turísticas - devido a conflitos pela posse do poder e presença de grupos armados em diversas regiões do território -, a Somália desperta a curiosidade de aventureiros que preferem desbravar locais nada convencionais como forma de imersão na exótica cultura local, além de vivenciar histórias incomuns e fascinantes.

Assim, o cidadão brasileiro interessado em conhecer de perto essa pequena nação africana deve ter em mente que, além das precauções de segurança reforçadas, será necessário emitir um visto. Contudo, o documento pode ser solicitado no momento da chegada ao país, através de um processo conhecido como “visto na entrada” para a Somália. Confira abaixo todos os requisitos necessários para planear a sua viagem com tranquilidade.

O que eu preciso para viajar para a Somália?

1) Visto

O documento é emitido pelas autoridades de imigração, ao desembarcar no Aeroporto Internacional de Aden Adde, na capital Mogadishu. O visto de turista para a Somália tem um custo de 60 dólares, é valido para apenas 1 entrada e permite a estadia no país por até 30 dias.

2) Passaporte

Você deve viajar na posse do seu passaporte original e válido por todo o tempo de permanência na Somália. É necessária 1 página em branco para o selo, carimbo e demais registos de permissão de entrada no país.

3) Bilhetes aéreos

Você deve comprovar a saída do país, bem como a data de chegada à Somália, apresentando as passagens aéreas de ida e volta, com as respetivas datas confirmadas.

4) Alojamento

Você deve comprovar que possui acomodação garantida na Somália, apresentando um voucher de reserva de hotel.

5) Recursos financeiros

Você deve confirmar que dispõe de recursos financeiros suficientes para custear a sua estadia no país, apresentando dinheiro em espécie às autoridades de imigração.

Atenção! Cartões de crédito não são aceites na Somália.

Vacinas

A Somália foi apontada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como “exportador” de poliomielite. Assim, você deve aplicar a vacina contra essa doença com, pelo menos, 12 meses antes da viagem e apresentar o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) às autoridades de imigração.

Além disso, a África do Sul exige imunização contra a febre amarela com, no mínimo, 14 dias antes do embarque. Caso o seu roteiro inclua esse destino, essa vacina também será obrigatória.

Seguro de saúde

Ainda que não seja obrigatória, é imprescindível a contratação de uma apólice de seguro de viagem internacional para visitar a Somália, que inclua atendimento médico, internações e evacuação sanitária, decorrente de acidentes ou doenças graves Além de não possuir infraestrutura de saúde adequada, há deficiência de profissionais e medicamentos, além da instabilidade na política e na segurança.

Assistência consular

O Brasil não possui representação diplomática na Somália. Caso o cidadão brasileiro precise de qualquer tipo de assistência consular, deverá ter em mãos as informações de contacto da embaixada do Brasil em Nairóbi, capital do Quénia.

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós