Adquira já o seu visto para o Zimbabwe online (eVisa)

 
   
 
 
 
     
 

Saiba mais: eVisa

Viajantes de alguns países podem agora solicitar um visto pela internet antes de viajarem para o Zimbábue. A plataforma de solicitação do e-Visa permite que cidadãos estrangeiros solicitem seu visto para o Zimbábue inteiramente pela internet. Isso economiza tempo do viajante e faz com que seja possível tirar o visto de qualquer lugar do mundo.

O e-Visa pode ser emitido e pago pela internet. Os solicitantes receberão um e-mail confirmando que seu formulário de solicitação para o e-Visa foi enviado com sucesso. Nós sugerimos que você imprima uma cópia do documento e o mantenha com o seu passaporte. Você precisará mostrar esse documento ao embarcar no seu voo e na imigração ao entrar no Zimbábue.

Documentos necessários para o processo
  • Passaporte válido por pelo menos 6 meses

  • Uma cópia digitalizada da página de identidade do passaporte

  • Cartão de crédito/débito ou conta do Paypal para pagamento

  • Foto de passaporte recente

  • Visto zimbabuano anterior – se aplicável

  • Endereço no Zimbábue (pode ser uma carta de um anfitrião, reserva do hotel, etc)

Instruções importantes
  • O e-Visa é válido por 90 dias a partir da emissão.

  • O e-Visa zimbabuano leva até 5 dias úteis (de segunda a sexta) para ser emitido.

  • Você precisa solicitar seu e-Visa pelo menos 3 semanas antes da data da sua viagem.

  • Seu passaporte deve ser válido por pelo menos seis meses após a data da sua chegada.

Depoimentos
Nossos clientes tem ótimas histórias sobre nós

Perguntas Frequentes

O e-Visa zimbabuano permite que cidadãos estrangeiros solicitem o seu visto para o Zimbábue pela internet, eliminando a necessidade de enviar seu passaporte para uma embaixada. Ele é necessário se você deseja entrar no Zimbábue. Esse visto será enviado para por e-mail, você só precisa imprimi-lo e apresentá-lo ao entrar no zimbabué.
Nós necessitamos dos seguintes itens para enviar a sua solicitação:
  • Passaporte válido por pelo menos 6 meses
  • Uma cópia digitalizada da página de identidade do passaporte
  • Cartão de crédito/débito ou conta do Paypal para pagamento
  • Foto de passaporte recente
  • Visto zimbabuano anterior – se aplicável
  • Endereço no Zimbábue (pode ser uma carta de um anfitrião, reserva do hotel, etc)
Nós necessitamos dos seguintes itens para enviar a sua solicitação:
  • Passaporte válido por pelo menos 6 meses
  • Uma cópia digitalizada da página de identidade do passaporte
  • Cartão de crédito/débito ou conta do Paypal para pagamento
  • Foto de passaporte recente
  • Visto zimbabuano anterior – se aplicável
  • Endereço no Zimbábue (pode ser uma carta de um anfitrião, reserva do hotel, etc)
O e-Visa zimbabuano que permite entrar uma vez no país custa 30 dólares e o que permite entrar duas vezes custa 45 dólares. Além disso, existe uma taxa de serviço de 25 dólares para o processamento padrão. Para os processamentos expresso e super expresso, a taxa de serviço é de 65 e 85 dólares, respectivamente.
Isso depende do método de processamento que você escolher. Nós oferecemos três opções:
  1. Processamento padrão: 10 dias úteis.
  2. Processamento expresso: 5 dias úteis.
  3. Processamento super expresso: 3 dias úteis
O e-Visa zimbabuano é válido por 90 dias a partir da emissão. Isso quer dizer que você deve entrar no Zimbábue dentro de 90 dias desta data. Além disso, existe um visto que permite entrar no país uma vez e outro que permite entrar duas vezes, ambos com estadia máxima de 90 dias.
O passaporte do solicitante deve ser válido por pelo menos 6 meses a partir da data de entrada no Zimbábue e possuir pelo menos uma página em branco.
A estadia máxima permitida é de 90 dias, tanto para o visto que permite entrar uma vez no país quando para o que permite duas entradas. Com o visto que permite entrar no Zimbábue 2 vezes, a estadia combinada das duas visitas não pode exceder os 90 dias.
Nós recomendamos que todos os viajantes façam a solicitação com pelo menos 3 semanas de antecedência, no caso de atrasos imprevistos.

Os seguintes países são elegíveis para um e-Visa zimbabuano:

-Antiga República Jugoslava da Macedónia -Afeganistão -Anguilla -Arábia Saudita -Bangladesh -Benin -Bolívia -Burkina Faso -Camarões -Camboja -Catar -Chade -Colômbia -Congo Brazaville -Costa do Marfim -Eritreia -Filipinas -Gabão -Gâmbia -Guiné -Guiné-Bissau -Iémen -Iraque -Jordânia -Kosovo -Líbano -Libéria -Líbia -Mali -Marrocos -Mauritânia -Mongólia -Montenegro -Myanmar -Nepal -Níger -Nigéria -Omã -Paquistão -República Árabe da Síria -República Centro-Africana -República Democrática Popular do Laos -República do Djibouti -República Popular Democrática da Coreia -Serra Leoa -Somália -Sri Lanka -Sudão do Sul -Sudão -Tailândia -Taiwan -Togo -Tunísia -Vietnã

Você pode usar o e-Visa para entrar no Zimbábue através dos seguintes pontos de entrada:
  • Beitbridge
  • Aeroporto Internacional de Harare
  • Chirundu
  • Plumtree
  • Forbes - Mutare
  • Nyamapanda
  • Kariba
  • Cataratas Vitória
  • Aeroporto Internacional Joshua Mqabuko Nkomo
Não. Embora o período de validade do seu e-Visa comece na data planejada de chegada, como indicado na sua solicitação, é exigido apenas que você entre no Zimbábue antes que ele vença. Você até pode ficar no Zimbábue depois que o e-Visa vencer (assumindo que você não vá ficar além do limite de 90 dias permitido), pois a validade refere-se apenas a entrada.
Não, nós não podemos modificar nenhum detalhe no e-Visa depois de emitido. No entanto, se você notar que cometeu um erro antes do seu visto ser emitido, entre em contato conosco o mais rápido possível através do chat online ou do e-mail help@ivisa.com.
Com certeza você já ouviu sobre o Zimbábue, nem que seja no noticiário. É um país onde a inflação cresceu tanto que um ovo chegou a custar 50 bilhões de dólares zimbabueanos. Porém, já faz tempo que isso aconteceu e as coisas estão melhores agora. O turismo aflorou nos últimos anos levando vários viajantes a escolherem o país como destino de férias. Ele é, apesar de tudo, um país com belas paisagens e uma vida selvagem maravilhosa. Mas antes de viajar, leia um pouco sobre o Zimbábue para saber o que é o que. Você quer que sua jornada seja a mais prazerosa possível, sem surpresas. Aqui vai o que você precisa saber antes de viajar. Primeiramente, a viagem da maioria das pessoas começa nas cataratas de vitória. É uma cachoeira enorme e deslumbrante devido ao seu posicionamento. Existe um hotel logo ao lado, onde você pode dormir e comer. O restaurante, entretanto, pode surpreender. Sim, dá para comer pratos ocidentais e tudo, mas o preço é exorbitante. Teoricamente, os donos estão oferecendo uma grande oportunidade de comer enquanto observa as cataratas de vitória. Embora isso seja verdade, 50 dólares é um pouco de exagero por uma tigela de macarrão. Quanto a comunicação, as pessoas falam inglês e Zimbábue bem, então pode ser que não haja problemas. Se quiser impressionar o seu guia e fazer algum esforço, você pode aprender algumas palavras em shona. Shona não é o único idioma falado lá, mas é o mais comum. Muitos turistas não se dão ao trabalho e ficam só no inglês, mas é um gesto bonito de se fazer. Além disso, você aprende cumprimentos em outro idioma. Uma das coisas para se fazer lá e ver os rinocerontes. Talvez você já saiba, mas eles estão entrando em extinção. Todos nós já vimos os rinocerontes protegidos pelos militares portando AKs-47. No Zimbábue, rinocerontes pretos e brancos podem ser vistos, o que pode ser uma oportunidade única na vida. Talvez seus filhos não tenham essa chance. Pensando nisso, não perca a chance e aproveite, você não vai se arrepender e vai se divertir bastante. Apenas ouça o seu guia por todo o caminho. Rinocerontes normalmente são pacíficos, mas ninguém quer ser pisado por um. Seus chifres também são mortais. Além dos rinocerontes, existem vários outros animais no Zimbábue. A maioria dos turistas viaja para visitar os safaris, onde existem vários animais para serem admirados. Já deve ter ouvido falar sobre o big five, não é mesmo? São os 5 mamíferos selvagens de grande porte mais difíceis de serem caçados pelo homem. No Zimbábue, você pode ver todos eles. Existem leões, leopardos, elefantes, rinocerontes, búfalos e muitos outros. Se fizer uma viagem de barco, pode até mesmo ver hipopótamos, apesar de que não vai querer chegar muito perto. Eles são animais pacíficos, mas se alguém entrar em seu território, pode esperar algumas manobras defensivas. Eles são belas criaturas, dignas de respeito, e não é qualquer um que consegue vê-las em seu habitat natural. Quanto a segurança, você deve sempre verificar nas embaixadas se existe algum perigo antes de reservar uma passagem. O motivo disso é que existe uma agitação política no país e não vai querer estar lá quando o problema estourar. No melhor dos casos você seria deportado, mas até lá, estaria correndo um grande risco. Fique de olho nas notícias de ameaças enquanto estiver no país e saia o mais rápido possível se começar a piorar a situação. Com sorte, isso não será necessário. Fora isso, mantenha seus itens de valor sempre escondidos. Roubos podem sempre acontecer, e os turistas são normalmente as vítimas. Mantenha seus dispositivos (telefone, câmera, etc) próximos ao corpo e evite usar joias. Não é como se precisasse delas lá. Uma coisa que você precisa fazer antes de viajar e tomar a vacina contra a malária. É uma doença comum com vários casos de surto em algumas regiões do país. Por isso é importante se vacinar, independente da área que for visitar. Entre em contato com o médico e marque uma consulta. Pergunte também sobre outras vacines que necessite, dependendo de problemas pessoais. Você pode pagar com o cartão de crédito no Zimbábue, mas eles costumam usar mais dinheiro, por isso leve algum. A preferência é de dólares americanos, assim você não tem problemas efetuando o câmbio caso necessário. Sempre que for em uma ATM, tenha cuidado com ladrões. Nunca saque grandes quantidades de dinheiro. Você já deve ter ouvido várias coisas ruins sobre os zimbabuanos. Tem havido incidentes envolvendo residentes de outros países. Resumindo, coisas ruins acontecem lá e você deve pensar duas vezes se quer ou não visitar o país. Entretanto, várias pessoas visitam o Zimbábue sem que nada ruim aconteça com elas e vivenciam a melhor experiência de suas vidas. O mal do mundo não deve impedir você de viver e ver as coisas que deseja. No geral, vale a pena visitar o Zimbábue. É possível ver muitas maravilhas naturais e animais. É bem seguro contanto que você siga algumas regras básicas e os animais manterão distância se forem respeitados. Será uma experiência única na sua vida.

Se o viajante partir de um país com riscos de transmissão de febre amarela, será necessário apresentar um cartão de vacina contra a febre amarela.

Para mais informações, clique no link a seguir:

https://www.who.int/ith/ITH_Annex_I.pdf