logo logo
pt | $ USD

Woo Hoo! We've updated iVisa's brand! Hope you like it as much as we do.

Guia de viagem da Bielorrússia: Tudo o que precisa de saber para visitar a Bielorrússia em 2022
 
   
 
 
 
     
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Welcome to Bielorrússia

A Bielorrússia é um pequeno país com uma área de cerca de 30.000 quilómetros quadrados e uma população de cerca de 10 milhões de pessoas. Faz fronteira com a Rússia (a norte), a Polónia (a oeste) e a Ucrânia (a sul), entre outros. A capital, Minsk, está situada junto ao rio Svislach. A Bielorrússia fez parte da União Soviética até à sua dissolução em 1991. De acordo com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, o coeficiente de Gini (indicador de desigualdade) é um dos mais baixos dos países europeus, o que faz desta nação uma das mais iguais do mundo.

Há muitos museus, galerias e teatros para os interessados em arte e cultura. Para os adeptos do desporto, há um grande estádio, campos de futebol e um ringue de hóquei no gelo. No verão, há muitas actividades ao ar livre, como caminhadas, ciclismo ou passeios a cavalo.

Neste guia de viagem definitivo da Bielorrússia , obterá todas as informações necessárias para planear a sua viagem para visitar a Bielorrússia!

Lista de verificação de documentos para a Bielorrússia

  • Visto

  • Declaração de saúde

  • Passaporte válido (pelo menos 6 meses)

  • Fundos suficientes

  • Bilhete de avião de regresso

Informações essenciais sobre a Bielorrússia

  • Moeda - Rublo bielorrusso (BYN). 1 dólar americano equivale a cerca de 2,53 BYN.

  • Orçamento diário para uma pessoa - Para uma pessoa, o orçamento por dia é de cerca de 175 BYN (69 USD).

  • Línguas - O bielorrusso e o russo são as línguas oficiais, mas existem 3 línguas minoritárias reconhecidas: polaco, ucraniano e iídiche.

  • Tipo de tomada - Para a Bielorrússia, existem dois tipos de tomada associados, os tipos C e F. A Bielorrússia funciona com uma tensão de alimentação de 220V e 50Hz.

  • Fuso horário - (GMT+3).

  • As 3 principais cidades a visitar - Minsk, Brest e Nesvizh.

  • Os 3 principais marcos/monumentos - Fortaleza de Brest, Museu da Grande Guerra Patriótica e Castelo de Nesvizh.

Informações sobre vistos para a Bielorrússia

Os cidadãos de muitos países necessitam de um visto para entrar na Bielorrússia. Este país emite vistos de trânsito, de curta duração e de longa duração, consoante os motivos da visita e a duração da estadia. Também concede vistos de entrada única-, entrada dupla-e entrada múltipla-. Recomendamos a utilização da nossa ferramenta de verificação de vistos , para saber com certeza se precisa de um visto de turista ou de outro tipo de documento para entrar na Bielorrússia.

A maior parte dos países do mundo pode entrar na Bielorrússia sem visto, passando pelo aeroporto de Minsk, exceto os voos que partem de e para aeroportos russos.

É também importante que tenha a sua Declaração de Saúde da Bielorrússia , uma vez que é obrigatória e exigida pelas autoridades bielorrussas para controlar a propagação da Covid.

Neste momento, estamos a oferecer ajuda com o Registo na Embaixada , que é essencial para a sua viagem à Bielorrússia.

Explicação do registo na embaixada

O registo de viagem é um serviço prestado pelo governo. Este serviço permite-lhe registar informações sobre a sua próxima viagem ao estrangeiro junto do Departamento de Estado, para que possam ser utilizadas para o ajudar em caso de emergência. As pessoas que residem no estrangeiro podem também obter informações de rotina junto da embaixada ou do consulado mais próximo, se estiverem registadas.

Despesas típicas e orçamento para a Bielorrússia

Aqui encontrará os custos da sua viagem à Bielorrússia.

Despesa diária por pessoa - A despesa diária é de cerca de 175 BYN (69 USD).

  • Refeições - A despesa diária com alimentação é de cerca de 45 BYN (18 USD).

  • Transporte - O transporte local é de cerca de BYN 29 (USD 11).

  • Hotel - Um quarto de hotel para uma pessoa custa cerca de BYN 69 (USD 27,30), e BYN 139 (USD 55,00) para um casal.

Viajar para a Bielorrússia durante uma semana custa normalmente cerca de 1 225 BYN (484,67 USD) para uma pessoa. Consequentemente, uma viagem de duas-pessoas à Bielorrússia custa cerca de 2 451 BYN (969,73 USD) por uma semana.

Transportes e meios de deslocação na Bielorrússia

Existem muitas formas de se deslocar na Bielorrússia, tanto a curta como a longa distância. Mencionaremos aqui os meios mais utilizados e mais fáceis para planear a sua viagem à Bielorrússia.

  • Comboio - É o meio de transporte mais popular se viajar na Bielorrússia ou para países vizinhos; tem muitas linhas de ligação regionais que o levarão ao seu destino de forma confortável e rápida. Pode desfrutar de uma viagem de comboio tranquila enquanto aprecia as incríveis vistas da paisagem natural que o país tem para si.

O custo do bilhete depende do tipo, se em classe económica ou executiva. No entanto, ambos têm preços acessíveis. Pode comprar bilhetes de comboio pessoalmente na estação de comboios ou online, com entrega em Minsk, Gomel e Mogilev.

  • Autocarro - Pode viajar para a Bielorrússia de autocarro privado ou miniautocarro. Dependendo de si e do seu orçamento, o custo da viagem pode situar-se entre 5-e 15 rublos, dependendo também do itinerário. Pode reservar o seu bilhete virtual e pagar ao motorista antes da viagem.

  • Transporte aéreo - Pode chegar à Bielorrússia através do aeroporto internacional de Minsk. Sendo um país pequeno, há poucos voos domésticos activos. Há voos para os aeroportos de Gomel, Grodno e Brest, que oferecem voos regulares para a cidade russa de Kaliningrado.

Segurança na Bielorrússia

A Bielorrússia é geralmente um país seguro para viajar. No entanto, há precauções gerais que deve seguir para se precaver. Eis alguns conselhos de viagem para quem viaja para a Bielorrússia:

  • Evite falar sobre a situação política do país, a oposição e o governo, para não ter problemas.

  • As drogas são ilegais na Bielorrússia, incluindo a marijuana, pelo que não deve transportar drogas durante a sua viagem.

  • Se se perder ou precisar de ajuda, não hesite em pedir ajuda à polícia local; eles são simpáticos e ajudá-lo-ão se precisar.

  • Mantenha os seus pertences por perto e evite estar em locais solitários a altas horas da noite.

  • Viaje sempre com os seus documentos de viagem, como o seguro médico internacional e o passaporte.

  • Contacte a assistência consular se precisar de informações sobre os serviços consulares no estrangeiro.

Desde que tome estas precauções gerais e tenha sempre cuidado, fará uma excelente viagem à Bielorrússia.

Clima na Bielorrússia

A melhor época para viajar para a Bielorrússia é durante o verão quente (22°C), de junho a setembro, uma vez que o inverno é longo e extremamente frio. A Bielorrússia tem um clima temperado-continental caracterizado por temperaturas moderadas, típico da Europa Central.

Cidades e vilas populares da Bielorrússia

Se está na Bielorrússia, não pode deixar de conhecer as cidades bielorrussas mais famosas e visitadas por cidadãos estrangeiros.

  • Minsk - É uma das principais cidades e a capital da Bielorrússia, pelo que a sua viagem deve começar aqui. Minsk oferece óptimos locais para nadar, bem como belos jardins e parques para agradáveis passeios, como o Jardim Botânico Central. Além disso, se gostas de história, deves visitar o Museu Nacional de História para aprenderes mais sobre a Bielorrússia. Estás pronto para começar a tua viagem na encantadora cidade de Minsk?

  • Brest - É uma das principais cidades da Bielorrússia e um dos locais turísticos mais populares. Podes visitar a Fortaleza de Brest, onde encontrarás um memorial soviético que é a principal atração para os visitantes.-Aqui pode ver o Museu de Maquinaria Ferroviária, inaugurado em 2002 para mostrar a história das viagens de comboio na Bielorrússia, e que é o primeiro museu ao ar livre do país. Também se deve dar um passeio ao longo da rua pedonal Sovetskaya, no centro de Brest, ou na Praça Lenine.

Tal como outras cidades da Bielorrússia, Brest foi devastada após a Segunda Guerra Mundial, mas os russos reconstruíram-na.

  • Nesvizh - Esta cidade está situada a 120 km de Minsk e é verdadeiramente popular graças ao Castelo de Nesvizh, Património Mundial, e a muitas outras atracções. É uma pequena cidade com lugares fantásticos que te deixarão sem fôlego, como o Castelo Mir, o Portão Slutsk e muito mais.

  • Polotsk - É a cidade mais antiga da Bielorrússia e uma das cidades mais antigas de toda a região eslava. Polotsk foi a primeira capital do país.-A sua principal atração é a Catedral de Santa Sofia, a primeira igreja de pedra feita na Bielorrússia, o que lhe confere uma importância ímpar como ponto cultural. Também pode visitar a Pedra de Boris (que, segundo as lendas, concede desejos), a Ponte Vermelha e outros destinos que lhe vão roubar o coração.

  • Grodno - Está situada no rio Neman, perto das fronteiras da Polónia e da Lituânia. Uma grande e bela cidade. Um local popular nos tempos da União Soviética, pelo que verá vestígios da era soviética, como as estátuas de Lenine. Encontrará também a Torre de Fogo, o Castelo de Grodno e outros locais que guardam segredos da história e que estão lá para que possa viajar até à grandeza do passado.

Visitas obrigatórias na Bielorrússia

  • Brest Hero-Fortaleza - A fortaleza é a atração turística mais popular de Brest, simbolizando a resistência soviética durante a Segunda Guerra Mundial. Foi criada para imortalizar a ação corajosa dos defensores da fortaleza durante o ataque fascista de 1941. Este local resistiu à ofensiva alemã durante 28 dias. É uma representação monumental da tragédia histórica vivida pelos heróis caídos.

  • Museu da Grande Guerra Patriótica - Em 1943 foi criado este museu, que mostra a história da luta do povo bielorrusso contra os invasores alemães durante a Grande Guerra Patriótica, que levou à primeira exposição em 1944, pouco depois da libertação da cidade de Minsk. Atualmente, o Museu da Grande Guerra Patriótica é um dos museus de história militar mais interessantes do território soviético pós-. É cada vez mais popular entre os bielorussos e os turistas estrangeiros.

  • Castelo de Nesvizh - É outra das obras-primas arquitectónicas mais populares da Bielorrússia e Património Mundial da UNESCO. A sua bela arte renascentista, juntamente com os estilos barroco, classicismo e modernismo, fazem dele um local extraordinário para os visitantes, que se sentirão rodeados por uma atmosfera da Idade Média.

  • Museu Estatal de Arte da Bielorrússia - É um dos museus mais emblemáticos da Bielorrússia, localizado em Minsk e construído em 1939. Aqui poderá ver obras do realismo social soviético que representam a história do país, como uma que retrata a chegada do Exército Vermelho à cidade em ruínas, da autoria do artista Valentin Volkov.

  • Parque Nacional Belovezhskaya Pushcha - Uma das maiores e mais antigas florestas da Europa, protegida pela UNESCO, é um símbolo de orgulho para a Bielorrússia. Aqui caminha livremente o bisonte europeu, um animal majestoso, através das florestas deste parque nacional. Este valioso território recebeu o Diploma Europeu de Áreas Protegidas do Conselho da Europa em 1997, por méritos especiais na conservação da diversidade biológica, geológica e paisagística.

Comida típica da Bielorrússia para provar

Mencionamos aqui a comida local mais deliciosa que deve provar na sua viagem:

  • Draniki (panquecas de batata) é o prato mais típico da cozinha bielorrussa. Os seus ingredientes são batatas e cebolas raladas, embora por vezes inclua carne, bacon, cogumelos e queijo. É servido com natas azedas.

  • Tsibriki é um aperitivo, um ótimo acompanhamento para quem quer começar com algo pequeno. É feito de batatas e um recheio de queijo, que é frito.

  • Kvass é uma bebida tradicional que é fermentada e consumida no verão. Esta bebida data da Idade Média e é produzida pela fermentação natural do pão. É aromatizada com frutos, bagas ou passas.

Informação sobre vacinas para a Bielorrússia

Antes da sua viagem, deve obter todas as informações necessárias sobre a vacina contra a Covid e outros requisitos de saúde, como o seu seguro de viagem; por esta razão, recomendamos que clique no sítio Web do CDC . É muito importante verificar estas informações, dada a preocupação cada vez mais séria com a saúde.

A prevalência da língua russa é forte na comunicação

Tanto o bielorrusso como o russo são considerados línguas oficiais do país, mas apenas cerca de 10% dos cidadãos utilizam efetivamente o bielorrusso na comunicação diária. Muitos habitantes falam Trasianka, que é uma mistura de bielorrusso e russo.

Curiosidades sobre a Bielorrússia

Os bielorussos adoram batatas, que são um alimento básico da cozinha bielorussa e existem mais de 300 tipos.

As florestas cobrem cerca de 40% do território da Bielorrússia. Esta nação pode ser considerada um dos pulmões da Europa.

Os bielorrussos têm uma semana de panquecas, um feriado eslavo chamado Maslenitsa. As panquecas são feitas em todas as casas para serem saboreadas entre amigos e familiares, bem como em festivais locais.

A Avenida da Independência é a rua mais comprida da Bielorrússia. É um dos últimos conjuntos neoclássicos da arquitetura mundial e uma das ruas mais longas da Europa. É também candidata à lista do Património Mundial da UNESCO.

O bisonte é um dos seus símbolos nacionais. Estes animais estiveram à beira da extinção, mas atualmente encontram-se mais de 600 bisontes europeus nas florestas da Bielorrússia.

1.2M Clientes satisfeitos

24/7Apoio

+42,000 críticas

10 Anos de experiência

98% taxa de aprovação de vistos

Isenção de responsabilidade
  • iVisa is NOT affiliated with any government agency. This site does not provide legal advice and we are not a law firm. None of our customer service representatives are lawyers and they also do not provide legal advice. We are a private, internet-based travel and immigration consultancy provider dedicated to helping individuals travel around the world. You may apply by yourself directly on the various government websites. A fonte de informação: https://www.government.by/

Mantenha-se em contacto!

Subscreva a nossa newsletter para receber as melhores dicas de viagem

Obrigado! Verifique o seu e-mail e confirme que pretende aderir à nossa Newsletter.

© 2014-2024 iVisa.com. Todos os direitos reservados. iVisa e o logótipo iVisa são marcas comerciais registadas da iVisa.com.

pt flag Português
$ USD
Chat intercomunicador